BusinessTimes

Governo Lula 3: O potencial de um novo Fies para o mercado financeiro

08 nov 2022, 13:10 - atualizado em 08 nov 2022, 13:11
Educação
Bradesco BBI estima que uma nova iniciativa do Fies podem aumentar os preços-alvo para 2023 em 7% para Cogna, 9% para Yduqs e 16% para Ânima. (Imagem: Marcello Casal jr/Agência Brasil)

Um novo Fies, programa de acesso ao ensino superior gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC), no novo governo Lula poderia ajudar na reavaliação das ações do setor educacional na Bolsa, disse o Bradesco BBI.

Segundo o banco, o programa poderia reverter as tendências negativas nos volumes, preços e margens de ensino presencial e aumentar o lucro líquido e o fluxo de caixa, dado o alto endividamento das empresas.

Em meio às eleições, as ações de empresas de educação de ensino superior avançaram 42% desde 16 de setembro, contra 8% do Ibovespa.

Para o Bradesco BBI, em relatório assinado por Marcio Osako e José Cataldo, o balanço entre risco e retorno neste ponto parece negativo para Cogna (CONG3), neutro para Yduqs (YDUQ3), e ainda positivo para Ânima (ANIM3).

A avaliação, disse o banco, é baseada em “nenhuma visibilidade” sobre a nova iniciativa do Fies e forte avanço do ensino à distância desde 2014.

Impacto do Fies nos preços-alvo

O Bradesco BBI estima que uma nova iniciativa do Fies podem aumentar os preços-alvo para 2023 em 7% para Cogna, 9% para Yduqs e 16% para Ânima – resultando em -9%, 13% e 48% de potencial valorização, respectivamente, em relação aos níveis de preços atuais.

O banco assume a premissa de 300 mil contratos assinados por ano em 2024-26 e 150 mil depois disso, em relação aos atuais 50 mil e 733 mil em 2014, e nenhuma recuperação nos preços das mensalidades em termos reais.

O Bradesco BBI reduziu o preço-alvo para o final de 2023 para as ações YDUQ3 a R$ 17, ante R$ 21 anteriormente. O banco reiterou a recomendação sobre Ânima.

“É a melhor escolha em função do valuation mais atrativo, a dinâmica de ganhos positivos e de ter a maior exposição aos ganhos do Fies”, disse.

Siga o Money Times no Instagram!

Conecte-se com o mercado e tenha acesso a conteúdos exclusivos sobre as notícias que enriquecem seu dia! Todo dia um resumo com o que foi importante no Minuto Money Times, entrevistas, lives e muito mais… Clique aqui e siga agora nosso perfil!

Editor
Jornalista formado pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), com MBA em finanças pela Estácio. Colaborou com revista Veja, Estadão, entre outros.
Linkedin
Jornalista formado pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), com MBA em finanças pela Estácio. Colaborou com revista Veja, Estadão, entre outros.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.