Sobe-e-desce da Bolsa

Ibovespa: Eletrobras (ELET3) sobe, enquanto Lojas Renner (LREN3) lidera as baixas

26 set 2023, 13:32 - atualizado em 26 set 2023, 13:32
Ibovespa
Ibovespa: as petroleiras se valorizam na sessão (Imagem: Reuters//Rahel Patrasso)

Ibovespa (IBOV) caía 0,84% nesta terça-feira (26), aos 114,9 mil pontosdepois de encerrar a última sessão em desvalorização de 0,07%. 

Por volta de 13h18, as ações de Eletrobras lideravam as altas, com ELET3 subindo 2,43% e ELET6 avançando 2,35%, depois de anunciar uma troca de CFO.

Em seguida, vinham os papéis de Marfrig (MRFG3), em ganhos de 1,43% após elevar sua participação na BRF (BRFS3 – que subia 0,31%) para 673 milhões de ações. 

Casas Bahia (BHIA3), que foi a maior queda na véspera e acumula desvalorização de 21% em 4 dias, sobe 1,69% e é destaque positivo hoje.

As petroleiras operavam em valorização, com Petrobras (PETR4), Prio (PRIO3) e 3R Petroleum (RRRP3) subindo 0,65%, 0,47% e 1,25%, respectivamente.

Baixas do Ibovespa

Varejistas, no geral, apresentava desempenho negativo em meio a um avanço dos juros futuros. Lojas Renner (LREN3) liderava as baixas do dia, recuando 4,06%. Arezzo (ARZZ3) e Petz (PETZ3) caíam 3,86% e 3,60%, respectivamente.

Banco do Brasil (BBSA3) caía 0,58% após anunciar que o secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Dario Durigan, foi o escolhido para ocupar o cargo de novo presidente do conselho de administração do banco durante o mandato 2023/2025.

Estagiária
Graduanda em jornalismo pela Universidade Estácio de Sá. Tem experiência cobrindo mercados, ações, investimentos, finanças, negócios, empreendedorismo, franquias, cultura e entretenimento. Ingressou no Money Times em 2021.
Linkedin
Graduanda em jornalismo pela Universidade Estácio de Sá. Tem experiência cobrindo mercados, ações, investimentos, finanças, negócios, empreendedorismo, franquias, cultura e entretenimento. Ingressou no Money Times em 2021.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.