Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Ibovespa (IBOV) cai mais de 1% em abertura marcada pelo medo de recessão

Kaype Abreu
30/06/2022 - 10:09
Ibovespa, Ações, Mercados, B3
(Imagem: Diana Cheng/Money Times)

O Ibovespa (IBOV) abriu esta quinta-feira (30) em queda, em um pregão que deve ser marcado pela aversão ao risco por conta do medo de recessão global.

Por volta das 10h15, o principal índice da Bolsa brasileira recuava 1,5%, aos 98,0 mil pontos. Na véspera, o Ibovespa caiu 0,96%.

Há pouco, o Departamento do Comércio dos Estados Unidos informou que o núcleo do PCE subiu 0,3% em maio, ante estimativa de 0,4%. Em abril a alta foi de 0,3%. Já os gastos com consumo subiram 0,2% em maio, ante consenso de avanço de 0,4%.

No radar

Ontem a Otan iniciou o processo formal para admissão da Finlândia e da Suécia à organização. O presidente da Rússia, Vladimir Putin, afirmou que não há problemas caso os países queiram participar do grupo.

Segundo o mandatário, a Rússia responderá de forma simétrica, caso sejam mobilizados contingentes e infraestrutura militares para a região.

Na China, o PMI da indústria avançou de 49,6 em maio para 50,2 em junho, superando a marca dos 50,0 pontos que indicam crescimento do setor.

O PMI do setor de serviços avançou de 47,8 em maio para 54,7 em junho, dando sinais de que o relaxamento das medidas de lockdown começaram a surtir efeitos positivos sobre a economia chinesa.

Risco fiscal

Segundo o BB Investimentos, no front interno, os agentes de mercado continuarão atentos ao andamento da PEC dos Combustíveis, com estimativas de inclusão de despesas fora das regras
do teto de gastos.

Foi adiada para hoje a votação da PEC 1/2022 pelo Senado Federal, a qual institui estado de emergência até o final do ano para ampliar o pagamento de benefícios sociais.

A proposta prevê R$ 38 bilhões para expansão do Auxílio Brasil e do vale-gás de cozinha, auxílio mensal aos caminhoneiros, subsídio para idosos em transportes públicos, e compensação aos estados que concederem créditos tributários para o etanol para manter a competitividade deste combustível ante a gasolina.

A Comissão Mista de Orçamento (CMO) aprovou ontem o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2023 (PLN 5/2022), estabelecendo o limite de gastos da União para 2023 em R$ 1,7 trilhão, regras para as emendas de relator – com execução obrigatória – e garantindo reajuste e reestruturação de carreira para policiais federais e do DF.

O projeto prevê déficit nas contas públicas de até R$ 65 bi e salário mínimo de R$ 1.294 para 2023. A peça orçamentária seguirá para votação conjunta do Congresso Nacional.

Siga o Money Times no Facebook!

Curta nossa página no Facebook e conecte-se com jornalistas e leitores do Money Times. Nosso time traz as discussões mais importantes do dia e você participa das conversas sobre as notícias e análises de tudo o que acontece no Brasil e no mundo. Siga agora a página do Money Times no Facebook!

Última atualização por Kaype Abreu - 30/06/2022 - 10:15

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto