G20

Imposto dos bilionários: Brasil levantou tema que nem os países desenvolvidos tinham resolvido, diz Haddad

29 fev 2024, 19:38 - atualizado em 29 fev 2024, 19:38
Haddad g20 tributação super-ricos inflação
O tema de uma tributação para super-ricos foi apresentado Haddad logo no início do G20 e bem-recebido por outros países. (Foto: Diogo Zacarias/MF)

O ministro Fernando Haddad afirma que o Brasil levantou uma questão importante durante o encontro de ministro e presidentes de bancos centrais do G20: a de tributação dos super-ricos e ainda destacou que o país estava muito atrás no quesito tributário.

“O Brasil estava muito atrás no que diz respeito à taxação. São poucos os países da OCED ou do G20 que tem uma tributação tão regressiva como no Brasil. Aqui, é o pobre quem paga imposto. Mas nós estamos levantando uma outra questão: mostrando que, nem no mundo desenvolvido, o tema dos bilionários foi resolvido adequadamente”, disse Haddad em coletiva de imprensa.

VEJA O QUE ACONTECEU NO G20

O tema de uma tributação para super-ricos foi apresentado pelo ministro brasileiro logo no início do evento e bem-recebido por outros países. Segundo Haddad, ninguém se manifestou contrariamente à proposta — no entanto, alguns países preferem resolver a questão de tributação de grandes empresas antes de mirar nos bilionários.

Sobre o cenário econômico, Haddad afirma que “todo mundo está na mesma página”. Ou seja, todos reconhecem que há um processo desinflacionário real e consistente em curso. Agora, é aguardado o momento que isso será espelhado na redução das taxas de juros.

“Não só pelo Brasil, mas porque tem muitos países pobres baseados em dólar que multiplicaram as suas dívidas. Então, é algo que está machucando o mundo todo, mas principalmente quem está devendo em moeda forte”, aponta.

Confira a coletiva de Haddad no G20 na íntegra

Editora-chefe
Formada em Jornalismo pela PUC-SP, tem especialização em Jornalismo Internacional. Atua como editora-chefe no Money Times e já trabalhou nas redações do InfoMoney, Você S/A, Você RH, Olhar Digital e Editora Trip.
Linkedin
Formada em Jornalismo pela PUC-SP, tem especialização em Jornalismo Internacional. Atua como editora-chefe no Money Times e já trabalhou nas redações do InfoMoney, Você S/A, Você RH, Olhar Digital e Editora Trip.
Linkedin