Indústrias veem milho liquidado nos portos abaixo do interno e esperam por mais pressão de safra

22/06/2021 - 13:40
Milho Grãos Agricultura
Safrinha em menor volume, mas ainda assim a oferta pressiona os preços (Imagem: Unsplash/@plasticmind)

A pressão externa sobre os preços do milho no mercado brasileiro está deixando os grandes consumidores nacionais fora das compras. Esperam novos recuos.

A saca nos portos está sendo liquidada abaixo dos preços do mercado interno.

A relação está de R$ 77 a R$ 80 para R$ 80 a R$ 90.

Como também há a oferta do milho de inverno chegando, a combinação esperada deverá ocasionar mais algum recuo, acredita o analista Vlamir Brandalizze.

Apesar de uma temporada do safrinha menor, em torno de 65 a 68 milhões de toneladas, o mercado interno promete um consumo de 40 milhões/t, aproximadamente.

Desse modo, quando a colheita acelerar para valer, a partir do fim da primeira quinzena de julho, e mais oferta estará chegando, possivelmente novas baixas ocorrerão, estima o chefe da Brandalizze Consulting.

Salvo uma mudança nas condições da safra dos Estados Unidos, que o USDA vê uma qualidade piorada na semana passada, mas agora com chuvas no radar muitas regiões importantes do cinturão de grãos.

 

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Giovanni Lorenzon - 22/06/2021 - 13:42

Pela Web