Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Investidores ricos de Hong Kong deixam dinheiro em modo de espera

15/08/2020 - 16:01
Notas de euro, dólar norte-americano, dólar de Hong Kong, iene japonês
Enquanto os críticos argumentam que a legislação vai prejudicar o papel de Hong Kong como centro financeiro, alguns investidores ricos estão abertos a uma narrativa alternativa (Imagem: EUTERS / Jason Lee)

Eles mapearam rotas de saída, abriram contas bancárias offshore e garantiram passaportes estrangeiros.

Mas, pelo menos por enquanto, investidores de alto patrimônio líquido de Hong Kong estão, em sua maioria, em modo de espera, reduzindo temores de que a nova lei de segurança nacional da cidade provoque forte fuga de capital.

As retiradas têm sido mínimas desde que a lei entrou em vigor em 30 de junho, em parte porque investidores ricos ainda avaliam como o controle mais rígido do governo chinês sobre Hong Kong afetará os preços dos ativos e o ambiente de negócios de longo prazo, de acordo com executivos de quatro gestoras de patrimônio da Ásia que pediram para não ser identificados.

Enquanto os críticos argumentam que a legislação vai prejudicar o papel de Hong Kong como centro financeiro, alguns investidores ricos estão abertos a uma narrativa alternativa – defendida pelo governo de Hong Kong e por magnatas da cidade – de que a lei ajudará a estabilizar a economia, prejudicada por meses de protestos em defesa da democracia.

Essa visão foi reforçada por sinais de apoio tácito do governo de Pequim, incluindo compras recordes de ações de Hong Kong por fundos chineses e uma série de listagens de alto perfil de gigantes de tecnologia do país.

“Embora as pessoas provavelmente estejam abrindo contas no exterior e pensando em sair, os preparativos ainda não levarão a um grande êxodo de capital”, disse Kenny Wen, estrategista de gestão de patrimônio da Everbright Sun Hung Kai, em Hong Kong.

“O dinheiro está entrando em Hong Kong ao mesmo tempo porque investidores estão otimistas com o mercado acionário de Hong Kong, especialmente as novas listagens.”

Se a perspectiva otimista vai durar, ninguém sabe, especialmente com Hong Kong no meio do fogo cruzado de um confronto cada vez mais intenso entre a China e os EUA.

Mas o quadro desde junho tem sido uma moeda forte de Hong Kong, um mercado imobiliário resistente e preços de ações estáveis. Os influxos de capital foram tão grandes nas últimas semanas que as autoridades intervieram para evitar que a moeda local ultrapasse o limite forte da faixa de negociação, muito longe do cenário de juízo final previsto pelos pessimistas.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Vitória Fernandes - 12/08/2020 - 17:08