Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Iochpe-Maxion ganha ação de R$ 240 milhões no Brasil (mas perde uma bolada no México)

15/07/2021 - 9:32
Copo meio cheio ou meio vazio? Advogados da Iochpe-Maxion andam bem ocupados (Imagem: Reprodução/Iochpe-Maxion)

A Iochpe-Maxion (MYPK3) encontra-se naquela situação clichê de “uma notícia boa e outra má”. A boa é que a ação em que solicitava a exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS/Cofins foi transitada em julgado.

Com isso, a companhia está livre para reaver cerca de R$ 240 milhões em créditos fiscais. O valor final ainda depende da confirmação das autoridades competentes, mas deve ser lançado pela empresa já nas demonstrações deste segundo trimestre. A divulgação do balanço está prevista para 11 de agosto.

Contrapartida

A má notícia, contudo, é que, para evitar uma longa briga na Justiça do México, envolvendo uma controlada indireta, a Iochpe-Maxion decidiu propor um acordo judicial avaliado em R$ 150 milhões.

As irregularidades apontadas pelas autoridades mexicanas ocorreram em 2012. A empresa abateu, dos impostos que deveria pagar, os juros referentes ao financiamento que obteve para comprar o Grupo Calaz. Além disso, a empresa não contabilizou a receita de ganhos de capital gerada pela venda, intra-grupo, de ações da Calaz.

Segundo a companhia, em dezembro do ano passado, o valor da autuação do Fisco mexicano, relativo a essas irregularidades, era de R$ 676 milhões.

Veja o comunicado da Iochpe-Maxion.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Márcio Juliboni - 15/07/2021 - 9:32

Cotações Crypto
Pela Web