Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Itaú reduz estimativa do PIB de 2018 de 3,0% para 2,0%

11/05/2018 - 13:08

Investing.com – O Itaú (ITUB4) divulgou análise nesta sexta-feira reduzindo a estimativa do crescimento da economia brasileira em 2018 de 3,0% para 2,0% e de 3,7% para 2,8% no ano que vem. Os números já incorporam os dados fracos dos três primeiros meses de 2018, com menor espaço para a aceleração da atividade devido à incerteza quanto ao avanço das reformas.

O banco destaca que os números do mercado de trabalho mostram um ritmo de geração de empregos abaixo do esperado, com a estimativa de geração de empregos formais recuando de 43 mil para 27 mil do último trimestre do ano passado para o primeiro deste.

Em relação à taxa Selic, o Itaú destaca que o próprio Comitê de Política Monetária sinalizou para um corte na reunião da próxima semana, com o objetivo de mitigar o risco de postergação da convergência da inflação rumo às metas. No entanto, a visão do Banco Central pode ser modificada de acordo com a situação do mercado.

Para o Itaú, apesar dos números da economia brasileira ainda estarem patinando no início do ano, a recente valorização do dólar ante ao real diminue o risco de postergação da convergência da inflação rumo às metas, o que tenderia a reduzir a necessidade de maior flexibilização.

Com isso, os analistas do banco acreditam que o BC seguirá o caminho traçado no comunicado da última reunião e fará um corte final de 0,25 ponto percentual na próxima, levando a taxa Selic para o mínimo histórico de 6,25% e encerrando o ciclo de flexibilização monetária.

O Itaú destaca ainda que o real segue perdendo força contra o dólar com a moeda americana voltando a ser negociada acima do patamar de R$ 3,50. Os analistas chamam atenção ao fato de tanto o cenário internacional quanto o doméstico têm se mostrado mais voláteis e incertos.

Diante disso, o banco revisou para R$ 3,50 rpor dólar ao fim de 2018 e 2019 (ante R$ 3,25 e R$ 3,30, respectivamente). As incertezas advindas dos cenários internacional e doméstico têm se mantido elevadas. Diante disso, houve um aumento da demanda por proteção contra cenários de taxa de câmbio mais depreciada, beneficiado pelo baixo custo de carregamento dessas posições.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Gustavo Kahil - 11/05/2018 - 13:08

Cotações Crypto
Pela Web