Lançada hoje, Vórtx QR Tokenizadora é a 1ª plataforma de negociação regulada pela CVM

Vitória Martini
01/06/2022 - 16:25
Vórtx QR Tokenizadora
Vórtx QR Tokenizadora oferecerá tokens de valores mobiliários. (Imagem: Money Times/Vitória Martini)

A Vórtx QR Tokenizadora deu início às operações nesta quarta-feira (1), como a primeira plataforma de negociação de ativos tokenizados regulada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

A tokenizadora é uma joint venture criada a partir de uma parceria entre Vórtx, fintech de infraestrutura para o mercado de capitais, e QR Capital, holding do setor de blockchain e criptoativos.

O processo para criação da Vórtx QR Tokenizadora começou em outubro de 2021, quando as empresas da parceria foram selecionadas para desenvolver a primeira plataforma baseada em tokens regulada para o mercado de capitais, no âmbito do sandbox regulatório da CVM.

O projeto proporciona a digitalização da atividade de intermediação de ofertas públicas para valores mobiliários, usando a tecnologia blockchain para realizar transações.

Segundo Thiago Shober, Head de Novos Negócios da tokenizadora, o objetivo era desenvolver uma plataforma que agregasse o arcabouço existente para investidores dentro de um único espaço.

“A plataforma traz para o mercado o processo de tokenização dos ativos via blockchain, com maior desintermediação no processo de compra e venda entre investidores com um alto nível de segurança”, acrescentou.

Tipos de ativos presentes na Vórtx QR Tokenizadora

Serão oferecidos na plataforma da Vórtx QR Tokenizadora tokens de valores mobiliários, como debêntures e cotas de fundos de investimento fechados.

Para o CEO da QR Capital, Fernando Carvalho, o lançamento da joint venture traz maior liquidez ao mercado, visto que, tradicionalmente, ativos como debêntures e cotas de fundos fechados não apresentam liquidez.

“Esta é uma oportunidade para o mercado, não só para a Vórtx QR Tokenizadora”, disse o CEO, no lançamento da companhia.

Os tokens oferecidos fazem parte da categoria “security tokens”, que receberam o nome “valores mobiliários digitais” (VMD), em português.

Segundo o CEO da Vórtx, Juliano Cornacchia, a plataforma funcionará como uma réplica do mercado mobiliário, sendo que cada debênture ou cota de fundo fechado representará um token.

Blockchain escolhido pela tokenizadora

O blockchain escolhido pela companhia foi Hathor Network (HTR), uma rede que usa o mecanismo proof-of-work (PoW) e com transações sem custo (“gas free”).

Conforme informado no lançamento da tokenizadora, todas as transações, tanto em mercado primário quanto secundário, serão registradas no blockchain.

Quanto à custódia de ativos, Vórtx QR Tokenizadora optou por manter as chaves privadas, ou seja, a companhia não oferecerá autocustódia de ativos aos clientes. Com isso, a tokenizadora firmou uma parceria com a Parfin, para esta fazer a guarda dessas chaves.

Vórtx QR Tokenizadora em período de testes

De acordo com Alexandre Assolini, fundador da Vórtx, o período dos próximos 12 a 24 meses serão dedicados a testes na tokenizadora, para que a CVM possa acompanhar o desempenho de negociações e modelo de negócios.

Após esse período, Vórtx QR Tokenizadora espera abrir a negociação para o mercado.

De início, serão aceitos somente investidores profissionais e qualificados para investir em um dos 12 emissores de tokens que participarão da iniciativa.

Segundo informado no lançamento da joint venture, investidores institucionais também poderão adentrar a plataforma de negociação regulada de ativos tokenizados. No entanto, investidores do varejo não serão aceitos neste primeiro momento.

A primeira emissão de dêbentures tokenizadas foi coordenada pelo Itaú BBA. Já a segunda emissão foi de cotas do QR Rispar Crédito Cripto, fundo de direitos creditórios, lançado pela QR Asset Management, que investe em Cédulas de Crédito Bancário (CCBs) garantidas por bitcoin (BTC).

As atividades que podem ser realizadas na tokenizadora serão executadas diretamente pelos usuários investidores ou emissores.

Entre para o nosso Telegram!

Faça parte do grupo do Crypto Times no Telegram. Você acessa as notícias do mundo cripto em tempo real e ainda pode participar das discussões da comunidade. Entre agora para o grupo do Crypto Times no Telegram!

Disclaimer

O Money Times publica matérias informativas, de caráter jornalístico. Essa publicação não constitui uma recomendação de investimento.

Última atualização por Vitória Martini - 09/06/2022 - 11:55

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto