Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Localiza opera com leve alta após apresentar crescimento de 14,6% no lucro trimestre

25/10/2018 - 11:38

Por Investing.com – Na abertura da sessão desta quinta-feira na bolsa paulista, as ações da Localiza (SA:RENT3) operam com alta de 0,75% a R$ 25,44. A maior empresa de aluguel de carros e gestão de frotas do país, teve lucro líquido de R$ 159,9 milhões no terceiro trimestre, crescimento de 14,6% sobre um ano antes, impulsionado por forte expansão na base de veículos.

Para a Coinvalores, os números apresentados pela companhia foram saudáveis. Eles destacam que a Localiza conseguiu entregar bom avanço operacional que levou a uma expansão de 32,6% na receita líquida da companhia. Essa alta veio tanto da operação de aluguel (rent a car + gestão de frotas) quanto da operação de seminovos.

Outro ponto relevante apontado foi a margem EBITDA em aluguel de carros, que veio 2,9 p.p. acima da observada há um ano, já capturando as sinergias da incorporação da Hertz no Brasil. Já em seminovos a margem foi bem mais apertada, resultando em uma margem consolidada menor. O lucro líquido da Localiza cresceu 14,6%. Crescimento menor que o da receita e do EBITDA e a explicação é a elevação na alavancagem da companhia, um ponto de atenção, apesar do perfil bem alongado da dívida.

Os analistas explicam que, se pegarmos os indicadores de dívida líquida/valor da frota ou dívida líquida/EBITDA, eles estão nos maiores níveis da Localiza, muito acima dos vistos nos últimos anos. Para eles, os números não trouxeram grandes surpresas, não vendo o resultado desse trimestre como um forte catalisador para os papéis da companhia.

No geral, a Mirae Asset vê o resultado como bom e sólido, uma vez que a empresa continua mostrando crescimento nos segmentos em que atua. Os analistas acreditam na empresa e no crescimento desse setor para os próximos trimestres. A recomendação é de compra, com upside de 15% e acreditam que as ações reajam positivamente.

A Localiza elevou em 36 por cento a frota média alugada no trimestre ano a ano, o que gerou um crescimento de 35 por cento na receita líquida da divisão. Em gestão de veículos, a frota média sob aluguel cresceu 20,6 por cento, elevando a receita em 15,3 por cento. Em seminovos, o número de carros vendidos subiu 25,7 por cento, com preço médio 7,5 por cento maior.

Com isso, a receita líquida da companhia somou 2,07 bilhões de reais, um salto de 32,6 por cento contra um ano antes.

O resultado operacional da Localiza medido pelo Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização) somou 396,2 milhões de reais no trimestre, aumento de 19,2 por cento no comparativo anual.

A margem Ebitda da divisão de aluguel de carros subiu 2,9 pontos percentuais, para 35,1 por cento, enquanto a de gestão de frotas evoluiu 3,3 pontos, para 66,7 por cento.

No fim de setembro, a dívida líquida da Localiza somava 4,75 bilhões de reais, um aumento de 23 por cento em relação ao montante do fim de 2017, evolução atribuída pela empresa ao suporte para crescimento da frota. A relação dívida líquida sobre Ebitda ficou estável em 3,1 vezes.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: ,

Última atualização por Gustavo Kahil - 25/10/2018 - 11:39

Cotações Crypto
Pela Web