Lucro da M. Dias Branco, que produz massas e biscoitos, cai quase 90% no 1º trimestre

07/05/2021 - 18:30
m-dias-branco
Neste ano, o aumento de custos relacionado à valorização do dólar ante o real e aos preços de alguns de seus principais insumos, como o trigo, pressionou as margens (Imagem: YouTube/M. Dias Branco)

A M. Dias Branco (MDIA3), líder nos mercados de biscoitos e massas do Brasil, registrou lucro líquido de 15 milhões de reais no primeiro trimestre de 2021, forte queda de 89% em relação ao mesmo período do ano passado, quando a chegada da pandemia da Covid-19 gerou uma corrida por produtos no varejo.

Neste ano, o aumento de custos relacionado à valorização do dólar ante o real e aos preços de alguns de seus principais insumos, como o trigo, pressionou as margens da empresa.

O cenário levou a M. Dias a aplicar um reajuste nos preços do portfólio de produtos em janeiro, que afetou as vendas consolidadas no trimestre, disse à Reuters o diretor de Relações com Investidores e Novos Negócios, Fábio Cefaly.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) recuou 79,3% no período, para 47,4 milhões de reais. A receita líquida baixou 8,9% no ano a ano, para 1,49 bilhão de reais.

Veja o resultado:

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Gustavo Kahil - 07/05/2021 - 18:30

Pela Web