Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Mão estatal pesa mais uma vez sobre as ações da Sanepar

14/07/2020 - 11:56
Sanepar
A XP Investimentos continua vendo um risco-retorno atrativo para o papel no médio e longo prazo por estar muito descontado em relação aos pares e outras empresas de setores regulados (Imagem: Facebook/Sanepar)

A Sanepar (SAPR11) informou ontem (13), em nota ao mercado, que a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Infraestrutura do Paraná (Agepar) prorrogou por mais 60 dias o prazo de suspensão da concessão de reajustes tarifários delegados pelos concessionários e/ou permissionários.

Para a XP Investimentos, a notícia é negativa e pode pressionar as ações da companhia.

“Apesar de outras agências reguladoras também terem postergado a aplicação de reajustes de serviços de saneamento, como a Arsesp no caso da Sabesp (SBSP3), o fato da magnitude do reajuste das tarifas da Sanepar não ser conhecido até o momento causa incertezas desnecessárias”, afirmou o analista de Energia e Petróleo & Gás da XP, Gabriel Francisco.

Mesmo assim, a corretora continua vendo um risco-retorno atrativo para o papel no médio e longo prazo por estar muito descontado em relação aos pares e outras empresas de setores regulados.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Última atualização por Diana Cheng - 14/07/2020 - 11:56