Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

McDonald’s terá robôs para atender clientes em drive-thru

10/09/2019 - 13:32
O McDonald’s espera que a Apprente, que tem menos de 20 funcionários, ajude a rede de fast-food a reduzir o tempo de espera dos carros nas unidades com drive-thru (Imagem: Christopher Dilts/Bloomberg)

O McDonald’s aposta que pode automatizar a tarefa de receber pedidos de drive-thru.

A maior empresa de restaurantes do mundo anunciou a compra da startup Apprente, desenvolvedora de uma tecnologia de reconhecimento de voz para o setor de restaurantes que tem o objetivo de reduzir o tempo de espera nas filas. No futuro, a ideia do McDonald’s é ter uma máquina, em vez de uma pessoa, do outro lado do interfone para transmitir pedidos aos funcionários da cozinha. Nos restaurantes da região de Chicago, onde o sistema já está sendo testado, os funcionários ainda supervisionam os pedidos e podem intervir quando necessário.

A aquisição é o terceiro acordo de tecnologia do McDonald’s nos últimos seis meses e vai de encontro à iniciativa da empresa de aumentar o uso de máquinas e inteligência artificial para acelerar as vendas. O McDonald’s também vai usar a sede da Apprente, em Mountain View, na Califórnia, para instalar um laboratório de tecnologia e tem planos de fazer contratações para a unidade.

“Acreditamos que estamos no estágio certo agora para aumentar nossa capacidade e ter uma presença maior no Vale do Silício”, disse o CEO do McDonald’s, Steve Easterbrook.

O McDonald’s espera que a Apprente, que tem menos de 20 funcionários, ajude a rede de fast-food a reduzir o tempo de espera dos carros nas unidades com drive-thru e a receber pedidos com mais precisão do que os funcionários. A empresa também está investindo para instalar aplicativos e quiosques de pedidos em seus restaurantes e em cardápios digitais.

Fundada em 2017, a Apprente diz que sua tecnologia pode interpretar com precisão a linguagem conversacional: como um cliente que pede um hambúrguer sem cebola e molho extra. O McDonald’s já está testando a tecnologia em duas unidades com drive-thru, que representa cerca de 70% dos negócios da empresa. A rede planeja lançar a tecnologia da Apprente em todo o país, disse Easterbrook. Ele previu que o negócio terá “um impacto positivo em mais da metade dos nossos clientes”.

O McDonald’s, que não divulgou os termos do acordo, pode expandir o uso da tecnologia da Apprente para mercados fora dos EUA. A empresa quer garantir que a tecnologia funcione com sotaques diferentes, como na Austrália e no Reino Unido, e trabalhar com idiomas além do inglês, disse Easterbrook. A empresa também vê a tecnologia sendo usada em quiosques e em aplicativos móveis.

“Gostaríamos de desenvolver um segundo idioma muito rapidamente”, afirmou. “Vemos isso como uma solução global.”

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Leia mais sobre: Bloomberg, Empresas, Franquias, McDonalds

Última atualização por Gustavo Kahil - 10/09/2019 - 13:45