Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

McDonald’s pagará trabalhadores de todas as unidades em caso de quarentena

11/03/2020 - 10:31
McDonalds
Os casos de coronavírus aumentam nos EUA e no exterior, e autoridades de saúde e dos governos pedem que os trabalhadores fiquem em casa se estiverem doentes (Imagem: Unsplash/@joia15)

O McDonald’s disse que oferecerá aos funcionários de restaurantes controlados pela rede de fast-food nos Estados Unidos duas semanas de pagamento em caso de quarentena, unindo-se a outras empresas que decidiram oferecer benefícios para amenizar o impacto do surto de coronavírus.

Os restaurantes de propriedade do McDonald’s também têm políticas para oferecer até cinco dias de folga remunerados por ano, de acordo com informações fornecidas pela empresa.

Esses locais, no entanto, representam cerca de 5% do total de unidades nos EUA, e o restante é administrado por franquias, de acordo com documento enviado recentemente aos órgãos reguladores. O McDonald’s contava com 13.846 restaurantes nos EUA no final de 2019.

“Enquanto monitoramos proativamente o impacto do coronavírus, avaliamos continuamente nossas políticas para oferecer flexibilidade e adaptações razoáveis”, disse o McDonald’s em comunicado por e-mail. “Nossa equipe são o coração e a alma da família McDonald’s e, é claro, vamos apoiá-los nessa situação única.”

Os casos de coronavírus aumentam nos EUA e no exterior, e autoridades de saúde e dos governos pedem que os trabalhadores fiquem em casa se estiverem doentes.

No entanto, isso representa um desafio para o setor de restaurantes: funcionários que ganham por hora e que não têm licença médica remunerada podem decidir ir ao trabalho de qualquer maneira se estiverem sob pressão financeira e, inadvertidamente, contribuir para a propagação do vírus.

Na terça-feira, funcionários do McDonald’s, um sindicato de trabalhadores de restaurantes e o grupo de defesa Fight for $15 pediram ao McDonald’s que concedesse licença médica remunerada a “todos os trabalhadores que usam o uniforme do McDonald’s”.

Atualmente, o McDonald’s apenas oferece licença médica remunerada a funcionários que trabalham em estados onde as leis o exigem, diz Allynn Umel, diretora organizadora do grupo.

O McDonald’s reconheceu que as políticas de licença médica “variam de acordo com o mercado e o restaurante segundo as leis locais”, mas as unidades da empresa “se esforçam para oferecer flexibilidade aos membros da tripulação”.

A nova política do McDonald’s segue um anúncio do Walmart, que lançou uma política de licença de emergência em resposta ao surto. Na segunda-feira, a Darden Restaurants, operadora do restaurante Olive Garden, também anunciou uma nova política de licença médica remunerada.

O McDonald’s disse que realiza procedimentos de higiene aprimorados nos restaurantes, como o abastecimento de dispensadores de gel desinfetante e limpeza mais frequente

Última atualização por Vitória Fernandes - 11/03/2020 - 10:31

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web