Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Mercado de imóveis paulistano decola em maio com volume 437% maior

24/06/2021 - 7:35
Imóveis Setor Imobiliário São Paulo
Maio de 2021 teve os melhores resultados para o mês dos últimos 17 anos, segundo o Secovi-SP (Imagem: Unsplash/Joao Tzanno)

O mercado imobiliário da cidade de São Paulo está à todo vapor em maio, ao passo que foram lançadas 8.443 unidades residenciais, volume 77,4% superior ao apurado em abril (4.760 unidades) e 437,8% acima do total de maio de 2020 (1.570 unidades).

De acordo com a Pesquisa do Mercado Imobiliário (PMI), realizada pelo departamento de Economia e Estatística do Secovi-SP, foram comercializadas no mês 5.883 unidades residenciais novas na capital paulista, superando em 44,1% o resultado de abril (4.083 unidades) e em 144,6% o registrado em maio de 2020 (2.405 unidades).

“Este desempenho foi surpreendente, principalmente pelo fato de estarmos atravessando um momento de restrições de mobilidade, em virtude das regras de contingência do Plano São Paulo, para evitar a contaminação da Covid-19”, diz Celso Petrucci, economista-chefe do Secovi-SP.

Maio de 2021 teve os melhores resultados para o mês dos últimos 17 anos, segundo a pesquisa.

Mais vendas do que lançamentos

Imóveis Setor Imobiliário São Paulo
“Apesar do cenário desafiador, com aumento da taxa Selic, as condições e a oferta de imóveis continuam atrativas para o consumidor”, afirma presidente do Secovi-SP (Imagem: Unsplash/Lucas Marcomini)

O bom desempenho de comercialização comprova-se no acumulado de janeiro a maio deste ano, período com mais vendas que lançamentos.

“Foram 23.098 unidades comercializadas e 20.174 unidades lançadas. Em comparação com os dados de 2020, as variações foram de 66,0% nas vendas e de 166,5% nos lançamentos”, explica Petrucci.

Também chamou a atenção o comportamento do mercado de alto e médio padrão (MAP), que superou o de imóveis econômicos – enquadrados no programa Casa Verde e Amarela –, respondendo por 65% dos lançamentos e por 52% das vendas do mês.

Os econômicos registraram, em maio, a comercialização de 2.823 unidades e o lançamento de 2.985 unidades. Já no segmento de mercado de médio e alto padrão, a pesquisa identificou 3.060 unidades vendidas, 5.458 unidades lançadas e oferta final de 21.992 unidades.

“Apesar do cenário desafiador, com aumento da taxa Selic, da inflação e dos insumos da construção, as condições e a oferta de imóveis continuam atrativas para o consumidor”, conclui Basilio Jafet, presidente do Secovi-SP.

Gostou desta notícia? Baixe o nosso app para ler, em apenas um clique, esta e mais de 150 matérias diárias.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Eurico Simões - 24/06/2021 - 7:40

Pela Web