Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Mercado secundário de debêntures movimenta R$ 977,6 milhões na semana

16/07/2019 - 12:11
Mercado secundário de debêntures teve um volume pouco negociado, ficando abaixo do período anterior (Imagem: Pixabay)

Por Investing.com 

Durante a semana entre os dias 4 de 10 de julho o mercado secundário de debêntures teve um volume negociado de R$ 977,6 milhões, ficando abaixo dos R$ 1,7 bilhão registrados no período anterior. As informações constam de relatório do BTG Pactual (BPAC11), com dados da Anbima, enviado para clientes nesta terça-feira.

Ao todo, 195 ativos foram negociados, com os destaques NCFP13 – NCF Participações (R$62,0 milhões, negociados a 103,73% DI, sendo sua curva de 112,00% DI), STEN23 – Santo Antônio Energia (R$27,8 milhões, negociados a IPCA +4,51%, sendo sua curva de IPCA +7,4943%) e CMDT33 – Cemig (CMIG4) Distribuição (R$78,0 milhões, negociados a IPCA +4,71%, sendo sua curva de IPCA +5,10%). No ano de 2019, o mercado secundário de debêntures acumula negócios no valor de R$49,6 bilhões (média de R$378,7 milhões por dia).

No mercado local de dívida corporativa, a Alliar (AALR3) aprovou a emissão de R$350 milhões em debêntures (ICVM#476) através de até três séries. As três séries contam com remuneração DI+1,10% e prazo de 6 anos.

Para a JSP, a aprovação foi de emissão de R$850 milhões em CRAs (ICVM#400) através de duas séries. A primeira série com remuneração DI +0,70% e prazo de 6 anos (amortizações em 3 parcelas anuais). A segunda série com remuneração NTNB- 24 +0,70% e prazo de 6 anos (amortizações em 3 parcelas anuais). A emissão recebeu rating brAA+(sf) pela S&P e AA(exp)sf(bra) pela Fitch.

No caso da Companhia Brasileira de Distribuição a emissão aprovada foi de R$800 milhões em notas promissórias (ICVM#476) através de seis séries. Todas as séries possuem remuneração de DI+0,72%. A primeira série tem prazo de 1 ano (bullet). A segunda série tem prazo de 2 anos (bullet). A terceira série tem prazo de 3 anos (bullet). A quarta série tem prazo de 4 anos (bullet). A quinta série tem prazo de 5 anos (bullet). A sexta série tem prazo de 6 anos (bullet).

A Ageo Norte Terminais emitiu R$146 milhões em debêntures (ICVM#476) através de uma única série, com remuneração de DI+2,50% e prazo de 6 anos (amortizações em 72 parcelas mensais).

Já em relação a Corporate Bonds Brasileiros, a Klabin (KLBN11) emitiu US$250 milhões com vencimento em 2029 e cupom de 5,75% (yield de 4,90%).

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: Alliar, BTG Pactual, Cemig, Economia, IPCA, Klabin

Última atualização por Rafael Borges - 16/07/2019 - 12:11