Minerva consegue repassar alta da carne para consumidor no 2º tri, mas até quando?

10/08/2021 - 15:07
Carnes
Segundo o analistas, a Minerva conseguiu repassar com maestria a disparada dos preços do gado mas isso não vai durar para sempre (Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)

Os resultados da Minerva (BEEF3) vieram acima do esperado por analistas, apesar da queda de 54% no lucro do segundo trimestre

O diretor financeiro da empresa, Edison Ticle, observou que o destaque do período é o lucro líquido.

“Houve queda ante o segundo tri do ano passado, mas porque 2020 foi um ponto fora da curva”, afirmou a jornalistas em videoconferência.

A XP diz que mesmo com a disparada nos preços de sua matéria prima (o boi gordo) e de restrições às exportações, a Minerva entregou um desempenho positivo para o intervalo, em razão da forte demanda por proteínas animais ao redor do globo.

A receita líquida ficou em R$ 6,3 bilhões, 7% acima das expectativas do Bank Of America. Segundo o banco, a Minerva conseguiu repassar com maestria o salto dos preços do gado.

No mercado interno, a alta dos valores foi de 33%, 9,4% acima das estimativas. Já no mercado externo, essa elevação bateu na casa dos 85% ante o mesmo período do ano passado. A grande questão é saber até quando a Minerva vai conseguir repassar os valores.

“Mantemos nosso rating neutro sobre o estoque, pois não esperamos uma grande melhora nas margens nos próximos trimestres, visto que o ciclo do gado continua negativo, enquanto o repasse dos preços da carne bovina, principalmente no Brasil, se tornará mais desafiador”, aponta o banco. 

Na visão da Genial, a exportação foi, novamente, o grande destaque da Minerva. Com uma diversificação geográfica, a companhia conseguiu dibrar o preço alto aqui no Brasil e manter o volume de carnes exportadas. 

“A demanda global por carne continua muito forte, puxada principalmente pela Ásia, que somou 37% da receita de exportações da Minerva. A empresa conseguiu manter seu posicionamento como a maior exportadora de carne bovina da América Latina, com 20% do market share das exportações da região, sendo a principal beneficiária da forte demanda asiática”, pontua a corretora. 

O Itaú BBA lembra que a Athena, sua subsidiária nos Estados Unidos, também entregou bons números, com um Ebitda forte de R$ 545 milhões, “10% acima da nossa expectativa e 8% acima do consenso”. 

A corretora espera ainda que os preços mais altos do gado no Brasil e o ambiente de consumo incerto afetem a rentabilidade da Minerva no curto prazo. Porém, o apetite chinês  pode compensar parte dessas perdas.

O risco Argentina também foi lembrado pelos analistas. No segundo trimestre, a suspensão de exportações no país vizinho impactou negativamente as vendas. 

O que esperar daqui para frente?

A Genial lembra alguns pontos positivos para a empresa nos próximos trimestres;

  • A forte demanda externa pelos produtos da Minerva deve continuar subindo com os novos hábitos de consumo na Ásia cada vez mais na moda;
  • Vacinação e reabertura da economia no Brasil no 2S21 significa a retomada de um mercado relevante para o frigorífico;
  • Ciclo do gado no Paraguai está muito positivo. A empresa conta com operações relevantes no país.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 10/08/2021 - 15:52

Cotações Crypto
Pela Web