Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

MyCap deixa intacta carteira mensal em janeiro, prevendo menor apetite a risco

31/12/2020 - 9:32
Mercados Ações Nyse Wall Street
Cenário previsto pela MyCap não considera a ruptura do teto de gastos no Brasil (Imagem: Reuters/Mike Segar)

A MyCap não realizou nenhuma troca em sua carteira recomendada mensal em janeiro, apostando que os investidores estrangeiros estarão com menor aversão ao risco, com a indústria apresentando uma retomada de
crescimento gradual em 2021.

“Destacamos que em nosso cenário não consideramos a ruptura do teto de gastos no Brasil e entendemos que a reforma fiscal e a aprovação da Reforma Administrativa, ainda dominarão os humores dos investidores no primeiro semestre do ano”, enfatizam os analistas André Ferreira e Julia Monteiro, que assinam o portfólio.

Em dezembro, a carteira da MyCap teve um desempenho menor que do Ibovespa (IBOV), com rentabilidade de 8,52% contra 9,29% do principal índice da Bolsa brasileira.

Após acumulara maior alta entre os ativos do portfólio, as ações da Eletrobras (ELET3) continuam no páreo, mesmo com os entraves para a privatização da estatal.

“As negociações estão avançando indicando possibilidades de ganhos de capital. Graficamente, papel enfim entrou no rali de alta e fez bonito na pernada de compra”, comenta a dupla de análise sobre o momento da companhia elétrica.

Veja na tabela abaixo a composição da carteira de ações em janeiro:

Empresa Ticker Preço-alvo (R$) Peso (%)
Itaúsa ITSA4 13,75 10
Gerdau GGBR4 26,65 10
B3 B3SA3 68 10
Petrobras PETR4 30,7 10
Magazine Luiza MGLU3 28,8 10
Eletrobras ELET3 40 10
Rumo RAIL3 22 10
Ecorodovias ECOR3 14,7 10
Eztec EZTC3 44 10
Lojas Americanas LAME3 29 10

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Simões - 31/12/2020 - 9:32