Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Vitreo DTVM

Natura&Co lucra R$ 377,7 milhões no 3º trimestre

12/11/2020 - 20:06
A divisão da Avon International mostrou aumento de 22,5% na receita do terceiro trimestre do ano, para R$ 2,4 bilhões (Imagem; Facebook/Avon)

A Natura&Co (NTCO3) terminou o terceiro trimestre do ano com lucro líquido de R$ 377,7 milhões, de acordo com os dados reportados pela companhia nesta quinta-feira (12). O montante ficou praticamente estável em relação ao valor registrado no mesmo intervalo de 2019, de R$ 376,8 milhões.

A receita líquida, por outro lado, teve um avanço anual de 31,7%, totalizando R$ 10,4 bilhões. A receita das operações do grupo na América Latina apresentaram crescimento de 29,5%. Já os desempenhos das marcas The Body Shop e Aesop foram maiores, de respectivamente 51,9% e 67,2%.

A divisão da Avon International mostrou aumento de 22,5% na receita, para R$ 2,4 bilhões. Segundo a companhia, a integração da marca e a captura das sinergias estão avançando conforme o planejado.

“Avançamos na definição da arquitetura do portfólio da marca Avon na América Latina, e a organização na região foi redesenhada, com funções de suporte atendendo todas as marcas. Iniciamos também o piloto do novo modelo comercial para a marca, no Brasil, no México ao fim deste ano e também na África do Sul“, disse a Natura&Co.

No primeiro semestre, a Natura&Co elevou as estimativas de ganhos de sinergias com a combinação de negócios com a Avon. A faixa está entre US$ 300 milhões e US$ 400 milhões em uma base recorrente anual, incluindo a nova sinergia de receita em Natura&Co América Latina e as sinergias de custos na Avon International.

O relançamento da marca Avon foi iniciado em meados de setembro, por meio de canais digitais em todos os mercados internacionais da empresa.

Site da Natura
As vendas no e-commerce do grupo saltaram 115% entre julho e setembro de 2020 (Imagem: Diana Cheng/Money Times)

Entre julho e setembro deste ano, a Natura&Co apresentou um Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) 32,8% maior. O valor atingiu R$ 1,4 bilhão.

As vendas no e-commerce do grupo saltaram 115%.

“Na Natura e na Avon combinadas, o e-commerce cresceu mais de 80%, com mais consultoras e revendedoras compartilhando suas lojas online”, destacou a companhia.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: , , , ,

Última atualização por Diana Cheng - 12/11/2020 - 20:06