Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

No dia da cerveja, veja quais as marcas mais consumidas nos bares e supermercados

Lorena Matos
05/08/2022 - 13:02
Cripto Beer Cerveja
Consumo de cerveja no Brasil representa 7% do consumo mundial (Imagem: Freepik/jcomp)

O Dia da Cerveja é celebrado internacionalmente nesta sexta-feira (5) e o Brasil se destaca como o terceiro país que mais consome a bebida, segundo estudo divulgado pelo Cupom Válido com dados da Numbeo e Statista.

Conforme os dados divulgados, o consumo no Brasil representa 7% do consumo mundial, ficando atrás apenas da China e Estados Unidos, com 27% e 13%, respectivamente.

A Skol é a cerveja mais vendida no Brasil, seguida pela Brahma e Antarctica. A Schin e Itaipava, ficam em quarto e quinto lugar.

O top 3 das mais vendidas é composto por marcas da Ambev (ABEV3), a grande empresa do setor presente na bolsa de valores brasileira.

Nos bares, porém, quem reina é a Heineken, segundo dados do Bank of America. Além disso, segundo números de abril da pesquisa da ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados), a cerveja holandesa também foi destaque entre as mais vendidas.

Cervejeira destaque na Bolsa

A Ambev é a maior cervejeira presente na bolsa brasileira. Apesar de ainda buscar recuperação dos níveis pré-pandemia, apresentou lucro de R$ 3 bilhões no 2T22, acima do esperado.

Em release de resultados, a empresa destacou que entregou no segundo trimestre mais de 40 milhões de hectolitros, um recorde para o período.

“Apesar do aumento da inflação em nossos mercados, nossa estratégia comercial continuou a impulsionar nosso desempenho de receita, uma vez que a recuperação das ocasiões fora de casa continuou”.

O volume cresceu 6,1% no consolidado, impulsionado principalmente pelo Brasil, informou a empresa.

No acumulado do último ano, a ação da empresa acumula queda de 11,19%. No Dia da Cerveja, por volta das 11h30, o papel tinha ligeira alta de 0,5%, negociado a R$ 14,96.

No mercado internacional, a Ab Inbev (BUD), empresa criada pela fusão da belga Interbrew e da brasileira Ambev, é destaque no setor na Bolsa de Nova York (NYSE). No último ano, acumula queda de 14,10%, negociada a U$ 53,03.

Países com as cervejas mais caras e mais baratas

O custo médio da cerveja no Brasil foi de U$ 1,38.  Isso representa um valor 66% menor que a média mundial, com um custo de U$4,06 para uma cerveja de 500 ml.

No ranking mundial de cervejas mais caras com preço em dólar relativo à cerveja de 500 ml, os Emirados Árabes ocupam a primeira posição. O Brasil é apresentado no ranking das mais baratas, na décima posição.

*Com Kaype Abreu

🏆Money Times é Top 8 em Investimentos!🏆

Se você conta com as notícias do portal para se manter sempre bem-informado sobre tudo o que acontece no mundo dos investimentos, vote e ajude o Money Times a se tornar o melhor site de investimentos do BrasilClique aqui e deixe seu voto!

Leia mais sobre: , , ,

Última atualização por Renan Dantas - 05/08/2022 - 13:14

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado de marketing?
Receba todo sábado as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto