Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Nova Caledônia acerta novos termos para venda de mina de níquel da Vale

04/03/2021 - 11:21
Bobinas de aço
A demanda por níquel, utilizado na fabricação de aço inoxidável, deve crescer rapidamente (Imagem: Reuters/Marco Bello)

Partidos políticos de Nova Caledônia chegaram a acordo nesta quinta-feira sobre novos termos para a venda do negócio local de níquel da Vale (VALE3), o que inclui uma proposta para que o território francês mantenha fatia majoritária no ativo, em uma tentativa de resolver disputas em torno dos planos de desinvestimento da mineradora brasileira.

A decisão da Vale no ano passado de vender sua operação de mineração e processamento de níquel no território francês no Pacífico, para um consórcio incluindo a trading suíça Trafigura, recebeu forte oposição de grupos que lutam por independência.

Violentos protestos levaram a Vale a fechar as instalações em dezembro.

Pelo acordo desta quinta-feira, líderes tanto de partidos pró-independência quanto de alinhados aos legalistas propuseram que uma fatia de 51% nas operações da Vale fique sob propriedade de autoridades de províncias de Nova Caledônia e outras entidades locais.

A Trafigura teria 19% no ativo, menos que os 25% planejados no negócio inicial com a Vale sobre a venda.

Um comunicado divulgado por partidos políticos de Nova Caledônia também mencionou uma “parceria técnica e industrial” com a Tesla (TSLA), sob a qual a fabricante de carros elétricos poderia obter matérias-primas para baterias.

Trafigura
A Trafigura teria 19% no ativo, menos que os 25% planejados no negócio inicial com a Vale sobre a venda (Imagem: Reuters/Denis Balibouse)

A Trafigura recebeu bem o acordo.

“Estamos ansiosos para retomar as operações e para a conclusão final da transação o mais rápido possível”, disse um porta-voz da Trafigura.

Vale e Tesla não responderam de imediato a pedidos de comentário.

Nova Caledônia é a quarta maior produtora de níquel do mundo, atrás de Indonésia, Filipinas e Rússia.

A demanda por níquel, utilizado na fabricação de aço inoxidável, deve crescer rapidamente devido à demanda por baterias para veículos elétricos.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Simões - 04/03/2021 - 11:21