Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Nutrien mantém estratégia de suporte de preço e pode expandir no Brasil, diz novo CEO

04/05/2021 - 15:27
“Quando pensamos em potássio, nós certamente estamos focados em preço acima da oferta”, afirmou Schmidt (Imagem: REUTERS/John Gress)

A Nutrien Ltd, produtora de fertilizantes canadense e operadora agrícola, continuará sua estratégia de negócios, incluindo o foco no suporte global de preços do potássio sobre a maximização de vendas, afirmou o novo presidente-executivo Mayo Schmidt na terça-feira.

A alta de preços de milho, soja e canola deu a fazendeiros norte-americanos mais incentivo para gastar em fertilizantes, aumentando os lucros da Nutrien. Mesmo assim, a maior empresa de agricultura do Canadá contratou Schmidt como CEO no mês passado para substituir Chuck Magro, que se renunciou.

“Quando pensamos em potássio, nós certamente estamos focados em preço acima da oferta”, afirmou Schmidt na sua primeira reunião de conferência com analistas desde que assumiu o alto cargo em abril.

Schmidt acrescentou que a empresa vê um firme crescimento na demanda de potássio para a próxima década.

Abrão Filho aumenta 135% sua receita em 2021

As lojas de varejo agrícola da Nutrien, que vendem fertilizantes, sementes e produtos químicos para fazendeiros, formam a maior rede dos Estados Unidos.

Schmidt disse que a empresa olharia para a expansão da sua operação de varejo no Brasil.

A empresa espera que as plantações dos Estados Unidos de milho e soja ultrapassem a estimativa do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos em 2 milhões de acres este ano, mas Schmidt afirmou que os preços aparentam permanecer fortes durante o ano.

A maior produtora de fertilizantes por capacidade do mundo elevou a previsão de lucro do ano inteiro após um ganho maior que o esperado no primeiro trimestre.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Rafael Borges - 04/05/2021 - 15:27

Pela Web