Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

O que são e como funcionam os dividendos?

13/09/2020 - 14:07
No Brasil, a empresa pode decidir em seu estatuto quanto vai pagar de dividendo

Quem quer investir em ações, normalmente, tem um sonho: receber dividendos na sua conta sem fazer nada. Ganhar dinheiro dessa forma é interessante, mas é preciso entender o mercado para ganhar ainda mais.

No post de hoje, vou te falar o que são e como funcionam os dividendos para quem investe em bolsa de valores.

Tópicos que vou abordar no post:

1. O que são dividendos?
2. Como funcionam os dividendos?
3. Como investir para dividendos

Vamos começar?

1. O que são dividendos?

Dividendos são parte do lucro de uma empresa distribuído aos seus acionistas. Simples e rápido! Vamos entender melhor o que isso significa.

Ao comprar a ação de uma empresa na bolsa, você está se tornando sócio dela – em outras palavras, acionista. Se você é sócio daquela empresa, o que acontece quando ela tem lucro? Você também ganha dinheiro. E como? Por meio dos dividendos.

Quando a empresa tem lucro, ela distribui parte de seu lucro para os acionistas como uma espécie de “remuneração”.

O recebimento de dividendos sempre é proporcional à quantidade de ações que o investidor possui. Quanto mais ações da empresa você tiver, mais dividendos você vai ganhar.

Vale lembrar que a empresa só distribui dividendos se ela tiver LUCRO no período. Se tiver prejuízo, nada acontece.

Um ponto importante: o pagamento de dividendos não tem relação com o preço da ação. A cotação da ação na bolsa pode estar em queda, o seu preço pode estar baixo, mas se a empresa teve lucro no período definido, ela distribui seus dividendos.

Empresas Governança Corporativa Escritório Startup
Empresas menores, por exemplo, preferem usar o lucro líquido para reinvestir nelas mesmas (Imagem: Divulgação)

2. Como funcionam os dividendos?

Existem várias dúvidas que os investidores têm sobre o funcionamento dos dividendos. Vamos falar de cada uma delas.

“A empresa é obrigada a pagar dividendos?”

Sim e não. Calma, vou te explicar.

No Brasil, a empresa pode decidir em seu estatuto quanto vai pagar de dividendos. Por exemplo, a administração da empresa pode definir que, de todo o lucro da companhia, apenas 5% será distribuído aos acionistas. Por outro lado, outra empresa pode distribuir 80% do lucro se preferir.

Se não houver nada escrito no estatuto, a empresa é obrigada a distribuir 25% de seu lucro líquido para os acionistas.

E de onde vem essa decisão? Da estratégia da empresa.

Empresas menores, por exemplo, preferem usar o lucro líquido para reinvestir nelas mesmas. Ao invés de distribuir o dinheiro para os acionistas, usam internamente para crescer ainda mais.

Por outro lado, empresas gigantes distribuem grande parte de seu lucro porque não precisam de mais investimento nelas mesmas.

Tudo vai depender de qual é a estratégia daquela companhia. Por isso, é tão importante entender o posicionamento antes de comprar a ação.

S&P 500 Ações Nyse Wall Street Mercados
Se o seu foco é encontrar empresas boas pagadoras de dividendos, você precisa focar nas gigantes da bolsa (Imagem: Reuters/Brendan McDermid

“Quando os dividendos são pagos?”

Depende da decisão de cada empresa. Os dividendos podem ser pagos mensalmente, trimestralmente, semestralmente ou anualmente. O mais comum é de três em três meses ou de seis em seis.

Para saber quando a empresa pagará os dividendos, você precisa acompanhar o site de RI (Relação com Investidor). Por lá, eles avisam quando acontecerá o próximo pagamento.

Vale dizer também que existe uma data limite para você ter direito a receber os dividendos. Não adianta querer comprar a ação na véspera de um pagamento de dividendos, hein!

Só recebe os dividendos quem já for acionista da empresa antes de determinado período.

“Como eu recebo os dividendos?”

Muita gente acha que precisa aceitar o pagamento ou fazer algum processo para receber os dividendos, mas isso não é verdade.

Quando você compra uma ação, você compra pelo home broker da sua corretora, certo? Os dividendos cairão na conta dessa mesma corretora.

Como eu disse no outro tópico, o valor depende da quantidade de ações que você possui daquela empresa. Mas o dinheiro vai cair diretamente na conta da sua corretora.

Dica: não deixe o dinheiro parado lá! Reinvestir os dividendos assim que eles caem é a melhor estratégia de um bom investidor. Anote na agenda para não esquecer.

3. Como investir em dividendos

Agora que você já sabe o que são e como funcionam os dividendos, provavelmente você está se perguntando como investir para receber bons dividendos, estou certa?

Como eu já disse ali em cima, se o seu foco é encontrar empresas boas pagadoras de dividendos, você precisa focar nas gigantes da bolsa.

Normalmente, as empresas grandes, sólidas e que já são negociadas há muito tempo (as famosas blue chips), pagam bons dividendos. Isso acontece porque são instituições com uma grande presença no mercado e usam o seu lucro para remunerar acionistas.

Empresas menores como small caps usam o lucro para reinvestir em si mesmas e, por isso, não são boas pagadoras de dividendos.

Além disso, é interessante dar uma olhada no setor em que empresa atua. O setor bancário e o setor de energia, por exemplo, são dois bons pagadores de dividendos aqui no Brasil.

Por último, mas não menos importante, há um indicador que se chama dividend yield. Esse termo representa quanto aquela empresa pagou de dividendos nos últimos 12 meses. Para calcular o DY:

Dividendos pagos por ação / Valor da ação

 x 100 

= Valor percentual

Muita gente acha que é só olhar o dividend yield para saber se uma empresa é boa pagadora de dividendos, mas não é bem assim. Existem diferentes variáveis que interferem nesse processo.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 11/09/2020 - 19:53