Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Oferta de milho nos EUA deve crescer com desaceleração do mercado de etanol, diz USDA

09/04/2020 - 14:44
Milho
O consumo pelo setor de etanol foi reduzido de 5,425 bilhões de bushels para 5,050 bilhões de bushels. (Imagem: REUTERS/Rick Wilking)

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, na sigla em inglês) elevou nesta quinta-feira sua estimativa para as ofertas norte-americanas de milho, diante de expectativas de consumo reduzido do grão por produtores de etanol, uma vez que a demanda pelo biocombustível despencou devido à disseminação do novo coronavírus.

Os estoques finais de milho dos EUA para o ano comercial de 2019/20 foram projetados em 2,092 bilhões de bushels, ante estimativa de 1,892 bilhão de bushels em março, superando as previsões do mercado, de 2,004 bilhões de bushels.

O consumo pelo setor de etanol foi reduzido de 5,425 bilhões de bushels para 5,050 bilhões de bushels.

O USDA também projetou os estoques finais de trigo dos EUA em 970 milhões de bushels, e os de soja em 480 milhões de bushels. Analistas esperavam que o número para o trigo fosse de 940 milhões de bushels, enquanto os estoques finais de soja eram vistos em 430 milhões de bushels, segundo a média das estimativas compiladas pela Reuters em pesquisa.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: Agronegócio, Etanol, EUA, Milho, USDA

Última atualização por Renan Dantas - 09/04/2020 - 14:44