Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

5 fundos imobiliários para aproveitar os primeiros sinais de alívio

03/06/2020 - 11:05
Luzes no horizonte: quarentena começa a relaxar e Mirae vê boas oportunidades para fundos imobiliários (Imagem: Gustavo Kahil/Money Times)

Junho chega com alguns sinais de esperança na economia dinamitada pelo coronavírus. Grandes cidades começam a relaxar a quarentena, shopping centers e o comércio em geral iniciam o processo de reabertura e, com isso, aceleram as atividades de logística. Para a Mirae, tudo isso significa que os fundos imobiliários podem ganhar tração.

A gestora não promoveu nenhuma mudança na carteira recomendada de fundos imobiliários para junho, após sua seleção render 4,3% em maio. Parece pouco, diante da alta de 8,57% do Ibovespa, mas é o dobro do Ifix, o índice de fundos imobiliários da B3, que subiu 2,1%, e bem melhor que o 0,3% do CDI.

Fernando Bresciani e Pedro Galdi, que assinam o relatório, afirmam que, apesar dos problemas, continuam otimistas com esse tipo de investimento, sobretudo no que se refere a galpões logísticos, shopping centers e CRIs (Certificados de Recebíveis Imobiliários).

A única ressalva é o segmento de lajes corporativas, que deve continuar com elevadas taxas de vacância e, por isso, não foi contemplado no carteira da Mirae.

Os analistas reforçam que os fundos podem, inclusive, aumentar sua atratividade diante da expectativa de novos cortes na taxa básica de juros, a famosa Selic. Veja, a seguir, os cinco fundos imobiliários recomendados para junho.

fundos imobiliários Mirae junho 2020

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Última atualização por Márcio Juliboni - 03/06/2020 - 11:05