Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Pagamento pelo WhatsApp: entenda como funciona essa nova modalidade

Giovana Leal
16/08/2021 - 10:40

Você sabia que agora é possível enviar e receber dinheiro por meio das suas conversas do WhatsApp? Com a nova modalidade do aplicativo de mensagens instantâneas, o Whatsapp Pay, isso é possível.

Quer saber como funciona e qual o nível de segurança das transferências pelo Whats? Acompanhe esta matéria do Money Times.

O que é o WhatsApp Pay?

O pagamento pelo WhatsApp, ou WhatsApp Pay, é uma nova maneira de fazer transferência de dinheiro pelo aplicativo de mensagens instantâneas.

O serviço está disponível para todos os usuários do WhatsApp no Brasil e na Índia, países que mais utilizam o aplicativo. 

Por meio do cadastro na plataforma com um dos bancos participantes é possível enviar e receber dinheiro, sem taxas. Além disso, o usuário pode acompanhar o status de suas transferências pelo próprio WhatsApp.

O serviço é habilitado pelo Facebook Pay – método autorizado pelo Banco Central, que permite pagamentos no grupo de apps do Facebook, – e, no Brasil, é processado pela Cielo.

Como funciona o pagamento pelo WhatsApp?

No WhatsApp Pay, já é possível fazer transferências para outras pessoas (PF, Pessoa Física). O WhatsApp estuda um meio de realizar pagamentos para empresas (PJ, Pessoa Jurídica) no futuro.

As transferências podem ser realizadas 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Para usar o serviço, é muito importante estar por dentro de suas especificações:

Métodos de pagamento e bancos aceitos

O serviço do WhatsApp Pay é disponível para usuários do aplicativo que realizarem o cadastro com cartões pré-pago, de débito ou cartões múltiplos com a função débito emitidos pelas instituições bancárias ou parceiros participantes:

  • Banco do Brasil: Visa
  • Banco Inter: Mastercard
  • Bradesco: Visa
  • Itaú: Mastercard
  • Mercado Pago: Visa
  • Neon: Visa
  • Next: Visa
  • Nubank: Mastercard
  • Santander: Mastercard
  • Sicredi: Mastercard e Visa
  • Woop, a conta digital da Sicredi: Visa

Taxas

O método de pagamento pelo WhatsApp e Facebook é isento de taxas para pessoas físicas

Porém, o WhatsApp alerta que o banco cadastrado pode cobrar taxas do usuário em caso de uso do cheque especial.

Limite de transação

Assim como as contas bancárias, o serviço de pagamento pelo WhatsApp também tem limites de transações diárias. 

No app, o usuário pode enviar até R$ 1 mil e receber até 20 transações por dia, ou R$ 5 mil por mês. Quando o limite é atingido, não é mais possível realizar pagamentos.

Outra coisa que pode acontecer é a instituição bancária do usuário estabelecer outros limites para o envio e o recebimento de dinheiro pelo WhatsApp.

Como fazer transferências pelo WhatsApp?

Para usar o serviço pela primeira vez, o usuário pode configurar o WhatsApp Pay pelo próprio aplicativo, seguindo os seguintes passos:

  1. Dentro de uma conversa no Whatsapp ou nas configurações, selecione a opção “Pagamento”;
  2. Insira o valor que deseja transferir e confirme;
  3. O aplicativo abrirá uma página do Facebook Pay com os termos de uso do serviço, para usar o serviço é necessário confirmá-los;
  4. A criação de um PIN será solicitada e, em sequência, preencha seus dados pessoais (nome completo e CPF);
  5. Por fim, adicione um cartão, lembrando das especificações de tipos de pagamento e bancos aceitos, e valide a verificação e confirmação.

Feito o processo, o WhatsApp Pay estará liberado para o usuário fazer transferências. Nas próximas vezes, será necessário informar apenas o valor a ser enviado ou recebido e inserir o PIN definido na criação para validar a operação.

Sempre que transações financeiras são feitas pelo aplicativo, é possível verificar o status de cada uma delas diretamente em uma conversa e no seu histórico de pagamentos do WhatsApp. 

Quando um pagamento for bem sucedido, o status estará como “Efetuado”. Com o progresso das transações, podem aparecer também: “Solicitado”, “Processando”, “Pendente”, “Não efetuado” e “Expirado”.

O pagamento pelo WhatsApp é seguro?

Além de utilizar um método de pagamento autorizado pelo Banco Central e ser processado pela Cielo no Brasil, o serviço de pagamentos no WhatsApp foi desenvolvido com base em princípios de segurança e privacidade:

  • Criptografia que assegura a proteção das informações de pagamentos;
  • Armazenamento avançado de dados com camadas de proteção;
  • Proteção PIN do Facebook Pay;
  • Confirmação de dados de cartão.

O WhatsApp alerta que, por possibilitar transferências entre contas, os bancos recebem os dados sobre os pagamentos e, por isso, as transações não podem ser protegidas pela criptografia de ponta a ponta. Mas, a empresa esclarece que as informações dos cartões são criptografadas e arquivadas em local separado e protegido.

A empresa ainda dá algumas dicas para garantir a segurança dos seus dados:  

  • Não compartilhe seu código de confirmação do WhatsApp, o PIN do Facebook Pay ou o código de verificação;
  • Não abra links enviados por pessoas desconhecidas;
  • Ative a confirmação em duas etapas no WhatsApp;
  • Certifique-se de que está usando a versão mais recente do WhatsApp;
  • Atualize o sistema operacional do seu aparelho com frequência;
  • Mantenha seu celular protegido, com uma senha segura.

O WhatsApp Pay é um iniciador de pagamentos. Ou seja, de acordo com o Banco Central, ele “é responsável por disparar o comando do cliente pagador, mesmo sem deter a conta dele, e faz o recurso cair diretamente na conta do recebedor”. Por isso, vale alertar que não é possível reverter uma transação feita pelo aplicativo.

Última atualização por Money Times - 16/09/2021 - 18:24

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado de tecnologia?
Receba toda sexta-feira as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.