Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Pandemia derrubou em 75,8% o lucro líquido da Heineken durante o 1° semestre

16/07/2020 - 10:53
Heineken
A queda foi impulsionada por um declínio orgânico de 13,4% no volume total consolidado e uma queda de 3,6% na receita líquida por hectolitro (Imagem: Diana Cheng/Money Times)

A receita líquida da Heineken no primeiro semestre caiu 16,4%, à medida que o impacto das restrições relacionadas ao coronavírus se intensificou no segundo trimestre, informou a fabricante de cerveja em comunicado, derrubando suas ações em mais de 5%.

A queda foi impulsionada por um declínio orgânico de 13,4% no volume total consolidado e uma queda de 3,6% na receita líquida por hectolitro, disse a segunda maior cervejaria do mundo, acrescentando que o volume de vendas de cerveja caiu 11,5% no primeiro semestre de 2020.

“Depois da mínima em abril, o volume começou a se recuperar gradualmente em junho, conforme as medidas de isolamento eram suspensas em todo o mundo e os clientes reabasteciam seus estoques esgotados”, disse a Heineken, acrescentando que os volumes de cerveja foram mais afetados nas Américas, África, Oriente Médio e no leste europeu.

O lucro operacional preliminar e o lucro líquido da empresa do primeiro semestre caíram 52,5% e 75,8%, respectivamente.

A Heineken disse que seu lucro operacional foi “desproporcionalmente” afetado pelos fechamentos de restaurantes e bares durante a pandemia e disse que havia reservado 500 milhões de euros em itens excepcionais para baixas contábeis de ativos tangíveis e intangíveis, sem dar mais detalhes.

“A Heineken pré-anunciou um lucro líquido ligeiramente menos ruim”, comentaram os analistas do Credit Suisse em nota aos clientes, acrescentando que o impacto nas margens e nos ganhos orgânicos antes dos juros e impostos foi um pouco pior do que o esperado.

A Heineken divulgará os resultados finais do primeiro semestre em 3 de agosto.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Última atualização por Lucas Simões - 16/07/2020 - 10:53