Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Perspectivas: 5 principais eventos internacionais desta semana

28/04/2019 - 16:06
Mercados
(Imagem: Pixabay)

Por Investing.com

O Federal Reserve terá sua esperada reunião política monetária no meio da semana antes da divulgação do relatório de empregos de abril, o Payroll. no que deve ser uma semana movimentada para os investidores. Os balanços das empresas continuam em ritmo acelerado com Alphabet e Apple definindo o tom no início da semana, enquanto uma nova rodada de negociações comerciais EUA-China também estarão em foco.

Moedas: Veja o que esperar para esta semana

Commodities: Veja o que esperar para esta semana

Aqui está o que você precisa saber para começar sua semana.

1. Decisões dos bancos centrais

O Fed deve concluir sua reunião de dois dias na quarta-feira, em meio a expectativas de que as taxas de juros permaneçam inalteradas. Em sua reunião de março, o Fed indicou que vai adiar a elevação das taxas pelo resto do ano, em meio a expectativas de um ritmo menor de crescimento econômico.

O presidente do Fed, Jerome Powell, realizará uma coletiva de imprensa após a reunião, com os investidores aguardando seus insights sobre as perspectivas políticas.

A reunião acontece após os dados de sexta-feira surpreenderem com crescimento acelerado da economia dos EUA no primeiro trimestre. No entanto, a expansão foi impulsionada por ganhos no comércio internacional e nos estoques, o que podem perder fôlego rapidamente.

“O resultado é que existem alguns fatores positivos para o crescimento que não devem persistir no segundo trimestre. Dito isso, continuamos a esperar um sólido desempenho da economia dos EUA este ano, especialmente se recebermos notícias mais animadoras das negociações comerciais entre EUA e China ”, segundo relatório do ING. “Embora não esperemos que o Fed aumente as taxas novamente este ano, achamos que parece improvável que cortes de juros estejam próximos neste momento.”

Enquanto isso, o Banco da Inglaterra também deve deixar a política monetária inalterada após sua reunião na quinta-feira, enquanto o Brexit se arrasta.

2. Relatório de Empregos dos EUA

O relatório não-agrícola de folha de pagamento, o Payroll, para abril lidera a lista de divulgação de dados esta semana com os economistas esperando um ganho de 181.000 postos de trabalho, enquanto a taxa de desemprego ficará estável em 3,8 %. A economia americana acrescentou 196 mil empregos em março, recuperando-se depois que apenas 33 mil empregos foram adicionados no mês anterior.

“Em termos de dados, esperamos que a confiança do consumidor seja impulsionada pelos ganhos do mercado acionário e pela força contínua no mercado de trabalho. Isso será destacado por outro aumento apropriado nas folhas de pagamento e um aumento renovado no crescimento salarial após o mergulho surpresa do mês passado”, declarou o ING.

Google
(Imagem: Faebook do Google)

3. Balanços do 1º trimestre

Com mais de 150 empresas constituintes do S&P 500 divulgando seus balanços, a expectativa é que seja outra semana de montanha-russa para os investidores.

A empresa-mãe do Google, a Alphabet (NASDAQGOOGL) deve divulgar seus lucros do primeiro trimestre após o fechamento do mercado na segunda-feira, enquanto a fabricante do iPhone, Apple (NASDAQ: AAPL), deverá divulgar seu balanço após o fechamento na terça-feira.

O calendário de resultados trimestrais também inclui as principais farmacêuticas Merck (NYSE:MRK) e Pfizer (NYSE:PFE), bem como a General Motors (NYSE:GM), Volkswagen (DE:VOWG_p), Fiat Chrysler (MI:FCHA), Royal Dutch Shell (LON:RDSa), BP (LON:BP), ConocoPhillips (NYSE:COP), Samsung (KS:005930),General Electric (NYSE:GE), McDonald’s (NYSE:MCD), Adidas (DE:ADSGN), Mondelez (NASDAQ:MDLZ), Pfizer (NYSE:PFE), Qualcomm (NASDAQ:QCOM), CBS (NYSE:CBS), HSBC (NYSE:HSBC), Berkshire Hathaway (NYSE:BRKa) e Mastercard (NYSE:MA).

4. Negociações comerciais entre EUA e China

Uma nova rodada de negociações comerciais sino-americanas deve ser iniciada na quarta-feira com o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, e o secretário de Comércio, Robert Lighthizer, que viajam para Pequim, antes de outra rodada de reuniões marcadas para a semana seguinte nos EUA.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, repetiu na sexta-feira que as negociações comerciais da China estão “indo muito bem”, um dia depois que ele disse que logo receberia o presidente chinês Xi Jinping na Casa Branca. Trump disse que espera finalizar um acordo em uma reunião com Xi.

As duas maiores economias do mundo estão em uma guerra de tarifas por quase 10 meses, arrecadando centenas de bilhões de dólares em impostos sobre os bens uns dos outros e tentando negociar uma saída.

China
Os índices PMIs chineses de industrializados e não-industrializados na terça-feira serão acompanhadas de perto (Imagem: Pixabay)

5. Outros dados econômicos para observar

Os índices PMIs chineses de industrializados e não-industrializados na terça-feira serão acompanhadas de perto por sinais de melhoria contínua na segunda maior economia do mundo, depois que alguns dados econômicos encorajadores recentes diminuíram as preocupações sobre uma desaceleração.

Os EUA devem divulgar dados sobre renda e gastos pessoais na segunda-feira, que devem mostrar que a receita superou os gastos. Também devem ser divulgados dados sobre vendas de automóveis, vendas pendentes de imóveis, atividades de industrial e não-industrial e confiança do consumidor.

Tanto a zona do Euro quanto a Canadá irão apresentar relatório sobre o crescimento do primeiro trimestre na terça-feira e a zona do euro publicará uma preliminar inflaçãoestimada para abril na sexta-feira, que deverá mostrar um ligeiro aumento nos preços ao consumidor.

– A Reuters contribuiu para esta matéria.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: Internacional, Mercados

Última atualização por Gustavo Kahil - 28/04/2019 - 18:30