Comprar ou vender?

Dólar em R$ 5,40: Confira 9 ações para se proteger da alta da moeda, segundo XP

13 jun 2024, 9:39 - atualizado em 13 jun 2024, 9:39
investir em dólar ações
Dólar atinge maior patamar em 1 ano e meio com juros altos, incertezas no cenário global e ruídos fiscais. (Imagem: Pixabay/frycyk01)

Na quarta-feira (12), o dólar atingiu o seu maior patamar em 18 meses: R$ 5,4066, após quatro dias de altas seguidas. A moeda americana opera entre altas e baixas, caindo 0,22%, cotada em R$ 5,4013, por volta das 09h37.



O avanço de ontem foi motivado pelos ruídos vindos de Brasília de que o governo está com dificuldades de organizar as contas públicas.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, anunciou decisão de devolver ao presidente a Medida Provisória que restringe a compensação de créditos de PIS/Cofins. Acontece que a MP foi editada pelo Ministério da Fazenda para cobrir o rombo gerado pela desoneração da folha salarial, que irá gerar uma perda de arrecadação de R$ 29 bilhões.

  • Oportunidade de lucros dolarizados, mais segurança e liberdade financeira: conheça o Plano “Investidor Global” e dê um upgrade nos seus investimentos. Clique aqui para saber como.

Mas esse não é o único motivo. A XP Investimentos destaca, em relatório, que a narrativa de “juros altos por mais tempo” vem ganhando força tanto por parte do Federal Reserve quando do Banco Central.

Além disso, as incertezas no cenário global aumentaram com os recentes resultados das eleições do parlamento europeu e convocação da eleição legislativa na França.

Os estrategistas Fernando Ferreira e Jennie Li, e a analista Júlia Aquino, que assinam o relatório, destacam que a projeção é de que o câmbio encerre o ano em R$ 5,00, embora deva permanecer sob pressão no curto prazo.

Veja ações para investir e se proteger da alta do dólar

A XP selecionou nove ações para proteger a carteira de investimentos contra o real mais fragilizado.

“Selecionamos ações que apresentam: (i) uma correlação positiva com as flutuações na taxa de câmbio (indicada por betas superiores a 0) no ano passado; (ii) exposição da receita ao dólar superior a 10%; e (iii) com classificação Compra pelos nossos analistas”, diz o documento.

Segundo o relatório, as ações mais bem posicionadas para capturar a alta do dólar frente ao real são as da BRF (BRFS3) e Petrobras (PETR3; PETR4), considerando a receita em dólar das companhias. Confira:

Empresa Ticker Receita em dólar (2024P)
Ambipar AMBP3 42%
Bemobi BMOB3 37%
BRF BRFS3 53,9%
CBA CBAV3 100%
Kepler Weber KEPL3 10%
Marcopolo POMO4 39%
Petrobras PETR3 93,5%
Petrobras PETR4 93,5%
Vale VALE3 100%

Editora-chefe
Formada em Jornalismo pela PUC-SP, tem especialização em Jornalismo Internacional. Atua como editora-chefe no Money Times e já trabalhou nas redações do InfoMoney, Você S/A, Você RH, Olhar Digital e Editora Trip.
Linkedin
Formada em Jornalismo pela PUC-SP, tem especialização em Jornalismo Internacional. Atua como editora-chefe no Money Times e já trabalhou nas redações do InfoMoney, Você S/A, Você RH, Olhar Digital e Editora Trip.
Linkedin