Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

BR Distribuidora distribuirá R$ 601 milhões entre acionistas

27/08/2020 - 7:39
BR Distribuidora
Têm direito aos proventos acionistas com posição acionária do dia 31 de julho de 2020  (Imagem: Reprodução/BR Distribuidora)

A BR Distribuidora (BRDT3) informa aos seus acionistas e ao mercado em geral sobre o pagamento total de R$ 601.650.456,25 de juros sobre capital próprio (JCP) e mais parcela de dividendos a ser creditado no dia 1° de setembro de 2020.

A título de JCP será pago o montante de R$ 540.318.218,33 ou R$0,46379246209 por ação, com base na posição acionária de 04 de dezembro de 2019.

O valor da parcela a ser paga será corrigido pela taxa Selic de 31 de dezembro de 2019 até o dia 01 de setembro de 2020, alcançando-se o montante de R$ 551.788.020,41, correspondente ao valor de R$ 0,47363778576 por ação, segundo a companhia.

Sobre os valores de R$ 0,46379246209 por papel referentes aos JCP incidirá a taxa de 15% de imposto de renda, e sobre os valores de R$ 0,00984532368 por ação correspondentes à atualização pela Selic, haverá incidência de imposto de renda à alíquota de 22,5%.

Espera-se que a legalização das apostas esportivas seja muito significativa aos impostos

As retenções de imposto de renda, mencionadas acima, não serão aplicadas aos acionistas imunes e isentos.

A título de dividendos, será pago o valor de R$ 49.862.435,84 ou R$ 0,0428003741 por ação de modo a atender ao dividendo mínimo obrigatório.

Br Distribuidora Combustível Gasolina
Os dividendos complementares podem ser pagos até o dia 31 de dezembro de 2020, segundo a estatal (Imagem: Gustavo Kahil/Money Times)

Já os dividendos complementares somam R$533.988.695,99, conforme acordado na última assembleia Geral Ordinária (AGO), mas BR Distribuidora analisa o melhor momento para pagamento dos dividendos complementares, que têm prazo máximo até 31 de dezembro de 2020.

Têm direito ao pagamento de ambos proventos os acionistas com posição acionária do dia 31 de julho de 2020.

“Após os impactos trazidos pela pandemia, temos observado uma gradual retomada em nossos volumes e uma menor restrição à circulação de pessoas, o que vem resultando em um reaquecimento nas atividades industriais, comerciais, de serviços e do uso de modais de transportes”, salienta a empresa no comunicado.

Portanto, com base na situação atual do caixa e nível de endividamento, a companhia avaliou oportuno antecipar o pagamento em 1° de setembro das parcelas de JCP e os dividendos mínimos.

(Errata: esta notícia ficou no ar entre as 7h39 e a 8h44 com a informação incorreta de que a distribuição de dividendos seria da Petrobras, e não da BR Distribuidora, que é a informação correta.)

Confira o comunicado de dividendos da BR Distribuidora:

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Márcio Juliboni - 27/08/2020 - 8:45

Pela Web