Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Petrobras lança programa para transição à economia de baixo carbono

18/09/2020 - 19:03
Petrobras
Segundo a empresas, o Biorefino 2030 prevê projetos para a produção de uma nova geração de combustíveis, mais modernos e sustentáveis (Imagem: Wikimedia Commons)

A Petrobras (PETR3;PETR4) lançou um programa que visa preparar suas atividades de refino de gás natural para o mercado de baixo carbono, mostra comunicado enviado ao mercado nesta sexta-feira (18).

Segundo a empresas, o Biorefino 2030 prevê projetos para a produção de uma nova geração de combustíveis, mais modernos e sustentáveis que os atuais como, por exemplo, o diesel renovável e o bioquerosene de aviação.

Ainda na área de refino, a companhia pretende reduzir em 30% a captação de água em suas refinarias e em 16% a intensidade do carbono do segmento até 2022.

“Esse novo combustível reduz em 70% a emissão de gases de efeito estufa se comparado ao óleo diesel mineral e 15 % em relação ao biodiesel éster”, afirmou a empresa.

Sua venda depende e ainda de regulamentação da Agência Nacional de Petróleo e Gás (ANP).

A Petrobras também prevê investimentos para o aumento da produção de diesel S-10, de baixo teor de enxofre, em detrimento do diesel S-500.

Para isso, segundo a empresa, serão realizadas modernizações em unidades da Reduc, em Duque de Caxias-RJ, e da Revap, em São José dos Campos-SP. Também será construída uma nova unidade de hidrotratamento de diesel na Refinaria de Paulínia, interior de São Paulo.

Avanços tecnológicos

A companhia começou a implementar projetos de inteligência artificial nas refinarias como, por exemplo, o Digital Twins (gêmeos digitais).

“Trata-se de uma representação rigorosa e integrada dos processos de uma refinaria, desde a entrada de petróleo até a saída de derivados especificados”, afirmou.

São utilizados simuladores, que permitem explorar as condições operacionais, dessa forma, otimizar a produção em tempo real.

A nova tecnologia, de acordo com a Petrobras, já permitiu ganhos de cerca de US$ 100 milhões em receita para as refinarias somente em 2020.

Veja o documento:

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: , , ,

Última atualização por Renan Dantas - 18/09/2020 - 19:03