Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Plataforma dForce é invadida, com perda estimada de US$ 25 milhões

20/04/2020 - 9:17
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Esse ataque veio dias após a dForce ter anunciado uma rodada de financiamento de US$ 1,5 milhão liderada pela Multicoin Capital (Imagem: Crypto Times)

dForce, uma plataforma de finanças descentralizadas (DeFi), teve seu produto principal lendf.me atacado, esvaziando todo o seu pool (conjunto) de capital.

Alguns declararam que o invasor obteve vantagem do imBTC, uma versão do bitcoin com garantias que usa o padrão ERC-777 (que apresenta recursos mais avançados que o padrão ERC-20), para publicar “garantias ilimitadas” e, então, esvaziar todos os ativos do pool.

Esse ataque de reentrâncias foi o mesmo usado na invasão infame no The DAO (que resultou na bifurcação da Ethereum e da Ethereum Classic) e foi detalhada em uma auditoria recente da Uniswap.

Esse ataque veio dias após a dForce ter anunciado uma rodada de financiamento liderada pela Multicoin Capital.

Com o capital recém-adquirido e se tornando a sétima maior plataforma DeFi, dForce desejava se tornar um grande player. Porém, um ataque dessa magnitude pode ser devastador, sendo extremamente difícil recuperar a confiança dos usuários.

Esse não foi o primeiro grande ataque no setor DeFi nem será o último. Ao longo do tempo, os participantes de mercado vão continuar a aprender com esses tipos de ataques que esses protocolos recém-lançados possuem risco significativo.

Embora as invasões resultem em abandono, aqueles que ainda desejam experimentar o setor devem tomar as medidas adequadas de gerenciamento de risco.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 20/04/2020 - 9:31