Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Postos da BR perdem para Ipiranga e Shell em preferência do consumidor, mostra pesquisa

Gustavo Kahil
20/12/2016 - 12:04

Petrobras

Os consumidores brasileiros estão insatisfeitos com os serviços prestados pela BR Distribuidora, revela uma pesquisa obtida pelo Money Times e realizada pelo banco UBS com 2.304 motoristas brasileiros entre julho e agosto deste ano.

Receba o Giro Money Times grátis em seu email

O relatório, publicado nesta segunda-feira, revela que os consumidores não preferem a estatal nos sete pontos do levantamento.

Os dados coletados revelam uma maior preferência pelos postos da Ipiranga (Ultrapar). A empresa conquistou a melhor pontuação em seis dos setes atributos testados: localização; serviços disponíveis; programa de fidelidade; loja de conveniência; qualidade do combustível; e atendimento. A Shell (Raízen), entretanto, foi melhor entre os consumidores de maior nível socioeconômico.

Segundo o UBS, a BR “supreendentemente” foi a pior no quesito “preço do combustível”. As bandeiras brancas levaram a melhor.

Item BR Distribuidora Shell Ipiranga Outros
Qualidade do Combustível 71% 76% 76% 65%
Menor preço 32% 42% 44% 56%
Localização 67% 68% 76% 65%
Atendimento 65% 64% 68% 60%
Programa de fidelidade 34% 29% 51% 20%
Disponibilidade de serviços 49% 49% 51% 27%
Loja de Conveniência 45% 46% 50% 29%

Impacto da crise

A pesquisa do UBS também mediu o impacto da crise sobre a decisão de gastos dos consumidores nos postos. Um cliente empregado, por exemplo, gasta aproximadamente R$ 80 com combustível por semana. Enquanto isso, um desempregado, consome R$ 65. Dois terços deles estão usando menos o carro por conta da situação econômica.

Do lado positivo, ressalta o banco, 78% dos pesquisados acreditam que a economia irá melhorar nos próximos três anos. Isso, caso confirmado, poderá ser um impulso adicional para a venda de combustíveis do tipo “premium”.

“Apesar do desempenho negativo das vendas de combustíveis nos últimos dois anos devido à crise econômica do Brasil, acreditamos que essa tendência irá se reverter em 2017, ajudando de uma forma geral o setor de distribuição”, pontua o UBS.

Última atualização por - 05/11/2017 - 14:08

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto