Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Preço das passagens aéreas dispara até 174% frente ao período pré-pandemia

Giovana Leal
26/05/2022 - 17:31
Passagens aéreas Aviação Avião Turismo Setor Aéreo Bagageiro
85% das rotas nacionais apresentaram aumento de preço médio (Imagem: Divulgação)

As passagens aéreas estão até 174% mais caras em relação ao período pré-pandemia, segundo levantamento do buscador de voos Viajala. Este é o caso do preço médio das viagens de ida e volta de São Paulo a Salvador, que subiu de R$ 469 para R$ 1.288.

De acordo com o levantamento, 85% das rotas nacionais apresentaram aumento de preço médio assim que a quebra da Avianca Brasil foi anunciada. A queda da competitividade causou um aumento quase instantâneo nas passagens, explica o CEO do site, Thomas Allier.

O Viajala comparou os preços médios das rotas mais buscadas no mês de fevereiro de 2020, último mês antes da pandemia, para viajar ao longo daquele ano, com os valores encontrados no mês passado, abril, para viajar 2022.

O segundo trecho que mais encareceu no período avaliado foi de Rio de Janeiro a João Pessoa, que ficou em média 142% mais caro, saltando de R$ 849 para R$ 2.060.

O voo mais procurado pelos usuários do buscador, de São Paulo a Recife, ocupa o terceiro lugar do ranking. O preço da passagem de ida e volta subiu 134%, de R$ 581 para R$ 1.359.

A rota internacional mais procurada no site, entre São Paulo e Lisboa, sofreu aumento de 98%, saindo de R$ 3.549 em 2020 para R$ 7.025 no último mês.

O valor dos voos diretos do Brasil para a Colômbia também aumentou cerca de 113% de 2020 para cá, e o preço para Miami, por exemplo, subiu cerca de 95%.

Entre para o nosso Telegram!

Faça parte do grupo do Money Times no Telegram. Você acessa as notícias em tempo real e ainda pode participar de discussões relacionadas aos principais temas do Brasil e mundo. Entre agora para o nosso grupo no Telegram!

Última atualização por Giovana Leal - 27/05/2022 - 15:05

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto