Preços do açúcar avançam quase 4% na ICE com especulações sobre corte de produção no Brasil

05/08/2021 - 18:31
Açúcar
O açúcar branco para outubro avançou 14,50 dólares, ou 3,2%, para 461,80 dólares a tonelada (Imagem: REUTERS/Juan Carlos Ulate)

Os contratos futuros do açúcar bruto negociados na ICE fecharam em alta de quase 4% nesta quinta-feira, com traders conversando sobre prováveis reduções adicionais na safra do Brasil, devido à forte seca e três ondas de geadas atingindo áreas agrícolas no maior exportador do mundo.

Açúcar

O açúcar bruto para outubro fechou em alta de 0,69 centavo de dólar, ou 3,8%, em 18,62 centavos de dólar por libra-peso.

Operadores afirmaram que as expectativas de que o clima seco prolongado e as recentes geadas irão afetar a produção de açúcar no Brasil e continuar a oferecer suporte aos preços.

“Basicamente, parece que todas as coisas relacionadas ao clima estão se atualizando… Todo mundo está otimista”, disse um corretor de açúcar com sede nos Estados Unidos.

“Parece que mais analistas estão reduzindo suas estimativas da safra brasileira e, portanto, o déficit de 2021/22 está aumentando”, disse um segundo corretor, citando conversas no mercado sobre alguns grandes traders de commodities trabalhando com projeções mais baixas.

O Brasil já colheria uma safra de cana-de-açúcar 10% menor este ano, devido à pior seca em 90 anos, mas as geadas recentes podem ter piorado a situação.

O açúcar branco para outubro avançou 14,50 dólares, ou 3,2%, para 461,80 dólares a tonelada.

Café

O café arábica para setembro fechou em alta de 1,25 centavo de dólar, ou 0,7%, em 1,769 dólar por libra-peso​.

Os operadores citaram cautela e incerteza sobre as perspectivas da safra de café do próximo ano no Brasil, após as geadas recentes.

A consultoria Safras & Mercado estima que os produtores brasileiros colheram 84% da safra de café até agora, basicamente alinhado com a média histórica.

O café robusta para setembro fechou em queda de 6 dólares, ou 0,3%, em 1.764 dólares a tonelada.

O mercado estava morno para os principais exportadores da Ásia esta semana, com baixa demanda no setor de grãos do Vietnã devido à falta de contêineres, enquanto uma piora na crise do coronavírus na Indonésia atrapalhava o comércio.

Última atualização por André Luiz - 05/08/2021 - 18:31

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto