Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Prejuízo da RNI totaliza R$ 6,8 milhões no 1º trimestre

14/05/2020 - 8:23
O Ebitda permaneceu no vermelho, tendo os R$ 6,2 milhões negativos sido agravados para -R$ 11,5 milhões (Imagem: Divulgação/RNI)

A RNI (RDNI3) fechou o primeiro trimestre de 2020 com prejuízo líquido consolidado de R$ 6,8 milhões. Apesar do valor negativo, dados do relatório divulgado pela construtora ontem (13) mostraram uma melhora dos números em relação ao mesmo intervalo de 2019, quando o prejuízo era de R$ 10,6 milhões.

A receita líquida sofreu queda de 29%, com o montante passando de R$ 78,9 milhões para R$ 55,8 milhões.

O Ebitda permaneceu no vermelho, tendo os R$ 6,2 milhões negativos sido agravados para -R$ 11,5 milhões. A margem Ebitda foi de -20,6%.

O VGV (Valor Geral de Vendas) de lançamentos foi de R$ 64,8 milhões, vindo principalmente por meio do lançamento do High Redentora.

Com a situação atual de pandemia, a companhia optou por suspender os lançamentos previstos para março. Ela garantiu que lançará estes e outros produtos assim que a demanda estiver estabilizada.

“Embora estejamos acompanhando de perto e sempre voltando a atenção para mitigar os impactos desta crise, os efeitos são de difícil mensuração devido à falta de precedentes, intensidade e prazo incerto de duração das restrições”, destacou a RNI.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Última atualização por Diana Cheng - 14/05/2020 - 8:24