Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Presidente do Banco Central do Japão oferece apoio a mais gastos fiscais

28/11/2019 - 10:40
Bank of Japan Japão Ásia
Combinação de medidas de estímulo fiscal e monetário é uma maneira padrão de sustentar a economia (Imagem: Reuters/Issei Kato)

O presidente do banco central do Japão, Haruhiko Kuroda, aprovou nesta quinta-feira os planos do governo de compilar um pacote de gastos fiscais para alívio de desastres e medidas para ajudar a economia a evitar o aumento dos riscos globais.

Os desafios representados por uma série de recentes desastres naturais e o possível impacto negativo sobre a economia japonesa da desaceleração do crescimento no exterior “devem ser melhor enfrentados pelo governo com política fiscal e políticas estruturais”, disse Kuroda durante um seminário.

“Ao mesmo tempo … o espaço fiscal para o governo japonês é um tanto limitado, portanto são necessários gastos inteligentes”, afirmou.

Kuroda disse que a combinação de medidas de estímulo fiscal e monetário é uma maneira padrão de sustentar a economia, e algo que o Banco do Japão já estava fazendo ao manter os custos de empréstimos baixos sob sua política de controle da curva de rendimento

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

“Nossa política monetária continuará sendo guiada por nosso principal objetivo, que é alcançar a estabilidade de preços e manter a estabilidade financeira”, disse.

Como o Japão é propenso a grandes tufões e terremotos, Kuroda destacou o risco relacionado às mudanças climáticas como um exemplo de novas questões que os bancos centrais devem tratar para manter a estabilidade financeira.

Última atualização por Lucas Simões - 28/11/2019 - 10:42