Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Projeto facilita acesso a recursos do Banco da Terra

06/12/2019 - 17:06
O objetivo do autor, deputado Lúcio Mosquini (MDB-RO), é desburocratizar a comprovação de dados dos beneficiários (Imagem: Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

O Projeto de Lei Complementar 197/19 retira exigências para acesso aos recursos do Fundo de Terras e da Reforma Agrária – Banco da Terra – e também amplia as fontes de financiamento do programa.

O objetivo do autor, deputado Lúcio Mosquini (MDB-RO), é desburocratizar a comprovação de dados dos beneficiários, aumentar as fontes de recursos e tornar mais célere o Programa Nacional de Crédito Fundiário.

O texto retira a necessidade de o agricultor comprovar, para ter acesso aos recursos, que a área é insuficiente para gerar renda. Acrescenta como fonte de dinheiro do Banco da Terra os fundos constitucionais de financiamento do Centro-Oeste, Norte e Nordeste.

A proposta também retira a garantia de participação da comunidade no processo de distribuição de terra e implantação de projetos, acrescenta as Cooperativas de Crédito entre os possíveis responsáveis pela gestão financeira do Fundo, e delega ao gestor financeiro do Fundo a análise do preenchimento dos requisitos para acesso ao crédito.

Mosquini disse que o programa precisa se converter em mais um mecanismo de financiamento do setor agropecuário.

A proposta será analisada pelas comissões de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural Sustentável (Imagem: Pxhere)

“O Programa deve deixar de ser visto apenas como um mecanismo de complementação à Política Nacional de Reforma Agrária, e apropriar-se do seu protagonismo, viabilizando o acesso à terra para agricultores familiares, fortalecendo a agricultura familiar e o desenvolvimento rural sustentável”.

Tramitação

A proposta será analisada pelas comissões de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural Sustentável; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Também precisa ser votada em Plenário e obter o voto favorável de 257 deputados.

 

Última atualização por Renan Dantas - 06/12/2019 - 17:06

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto