Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Rali de alta do suco de laranja ainda tem fôlego com a quebra brasileira se consolidando

16/03/2021 - 15:58
Laranja-agronegócio
Quebra acentuada da safra de laranja brasileira devem sustentar mais preços em Nova York (Imagem: Marcos Issa/Bloomberg)

O suco de laranja assegura preços em elevação contínua desde o dia 5 de maio, em rali que demonstra a força que a formidável quebra da oferta brasileira vai gerar.

O contrato maio, driver em Nova York, saltou dos 112,10 para os 119,40 desta terça (16). Só no pregão de hoje avançou praticamente 2% sobre a sessão da véspera.

E tem fôlego para mais, segundo o produtor consultor Maurício Mendes, diante do que ele classifica “a mais difícil de todas as safras” (inclusive nome de artigo recente).

O Cinturão Citrícola, formado por São Paulo e um pouco do Triângulo Mineiro, praticamente berço de tudo que sai para as esmagadoras brasileiras, terá uma quebra de 30% na laranja sobre a safra 19/20. É muita laranja fora de produção. Serão, aproximadamente, 269 milhões de caixas, pelo último levantamento da Fundecitrus, de janeiro.

De Milão à Faria Lima: conheça a marca queridinha do mercado financeiro

Mendes recorda que a seca sobre as floradas do começo do segundo semestre do ano passado, floradas tardias, aumento da incidência do greening, formam o pacote da tempestade perfeita sobre os laranjais.

“E que vai deixar a próxima safra [21/22] igual a esta”, complementa o consultor. As severas condições climáticas praticamente eliminaram a tradicional alternância de safra boa, safra ruim.

Para completar o apoio dos fundamentos sobre os preços na bolsa nova iorquina, também haverá perdas substanciais dos pomares americanos, após o frio polar que atingiu até mesmo o Texas. Prejudicou, inclusive, a produção do México, cuja laranja segue para os Estados Unidos sem imposto algum.

Enquanto isso, as perspectivas de consumo melhorando na esteira da vacinação, ao menos nos Estados Unidos, completam o quadro.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Simões - 12/04/2021 - 13:45

Pela Web