Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Retomada do turismo: setor de aluguel de carros alerta sobre alta demanda

31/10/2020 - 18:00
Carros-Motoristas
Quem deixa para a última hora corre o risco de ficar sem carro para alugar (Ricardo Amanajás/Agência Pará)

Há diversas vantagens em se planejar antecipadamente uma viagem.

Agora, para quem pretende alugar um carro, isso se tornou não só vantajoso como essencial: com o reaquecimento do turismo doméstico e terrestre e com a redução dos veículos disponíveis ocasionada pelas vendas que as locadoras realizaram durante a pandemia, quem deixa para a última hora corre o risco de ficar sem carro para alugar.

Foi isso que aconteceu em quase todo o Brasil em 12 de outubro, último feriado prolongado, e que deve acontecer novamente no feriado de Finados e para a alta temporada de fim de ano.

Segundo dados da Rentcars.com, maior plataforma online para a locação de veículos do Brasil e da América Latina, quem deixou para alugar um carro em cima da hora para  o feriado prolongado de Nossa Senhora Aparecida certamente se frustrou.

Abrão Filho aumenta 135% sua receita em 2021

Dos quase 600 pontos de atendimento disponíveis para aluguel de carro no Brasil, 26% apresentaram indisponibilidade para 12 de outubro, principalmente os destinos mais procurados.

“A maior parte das lojas disponíveis em São Paulo estava sem frota e mais de 90% das buscas realizadas para o Aeroporto de Guarulhos não trouxe opções para os usuários”, relata a diretora de Global Partnerships da Rentcars.com, Vivian Almeida.

Cidades como Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Recife são alguns dos destinos mais impactados e que apresentaram alta indisponibilidade de carros no período: respectivamente, 92%, 88% e 79% das buscas realizadas pelos clientes não apresentaram nenhum veículo disponível.

“Estamos vendo a situação se repetir para o feriado de Finados. Faltam menos de 10 dias para a sexta-feira, dia com mais buscas para a retirada do veículo, e 16% das lojas já não apresenta resultados em mais da metade das pesquisas efetuadas”, ratifica Vivian.

Alta demanda do viajante reduz opções de escolha

Carros
A situação enfrentada pelas locadoras ainda não tem prazo para ser regularizada (Imagem: Reuters)

A categoria de carros alugados mais escolhida pelos brasileiros para viagens domésticas é a econômica, que possui veículos mais simples e com tarifas mais baixas.

Entretanto, para 12 de outubro, os usuários que fizeram a reserva em cima da hora tiveram que optar por outras categorias – e pagar a mais para isso.

“Em Belo Horizonte, quatro dias antes do feriadão, já não havia mais carros econômicos disponíveis”, comenta a diretora da Rentcars.com.

Vivian ainda alerta que deixar para a última hora pode encarecer os planos de viagem, sendo que para Rio de Janeiro, Goiânia e Campinas, o valor da diária da categoria de carros chegou a aumentar em torno de 75% quando comparada à taxa da reserva efetuada com uma semana de antecedência.

A situação enfrentada pelas locadoras ainda não tem prazo para ser regularizada já que, segundo a Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (ABLA), o valor para aquisição de veículos zero quilômetro está mais alto – e o prazo de entrega está variando de 90 a 120 dias.

“Desde o início da pandemia, só a Rentcars.com já constatou um aumento no volume de locações em mais de 330% – e todo o mercado está acompanhando essa retomada do setor de aluguel de veículos. O carro segue como a alternativa mais segura para deslocamento durante a pandemia e prevemos que as buscas que serão efetuadas na Black Friday apresentem números para o Brasil superiores aos de 2018”, adiciona a diretora da Rentcars.com.

Cidades que podem apresentar indisponibilidade para 2 de novembro

Coronavirus brasil
Feriado de Finados deve ter alta demanda por locação de veículos (Imagem: Reuters/Amanda Perobelli)

Porto Alegre é uma das cidades mais procuradas pelos usuários para a retirada em 30 de outubro, e se seguir a tendência do feriado da padroeira do Brasil, é possível que a falta de carros impacte nos planos de viagem do consumidor.

“As intenções de locação estão muito similares e Porto Alegre chegou a apresentar mais de 63% de buscas sem carros disponíveis para para o início do último feriado”, compartilha Vivian.

De um período de 30 dias distribuído entre 10 de setembro e 9 de outubro, 11% dos consumidores deixaram para pesquisar pelo aluguel do carro apenas um dia antes da retirada na capital gaúcha.

Outras cidades em que o consumidor apresentou comportamento semelhante foram Curitiba (21%), Brasília (19%) Belo Horizonte (15%) e Vitória (13%).

“Hoje, o usuário tem que cuidar mais do planejamento de sua viagem. Se ele se antecipar, terá mais opções de escolha e melhores preços. Mas se deixar para a última hora, corre o risco de realmente não conseguir realizar sua viagem”, finaliza a diretora da Rentcars.com.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Simões - 30/10/2020 - 7:16

Pela Web