Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Rum pode voltar à moda e beneficiar Campari

22/07/2019 - 13:42
Uma revolução do rum pode estar a caminho, com a bebida sendo a próxima a se beneficiar do boom da cultura de coquetéis, disse analista da Jefferies (Imagem: Pixabay)

Se você acha que a sede por rum é coisa do passado, a Jefferies International diz que talvez você precise pensar novamente.

Uma revolução do rum pode estar a caminho, com a bebida sendo a próxima a se beneficiar do boom da cultura de coquetéis, disse Edward Mundy, analista da Jefferies em Londres. A Davide Campari-Milano estaria bem posicionada graças a compra planejada de três marcas de rum da ilha francesa de Martinica, disse ele.

“Nós vemos potencial para a categoria se tornar moda, e para a reputação do rum como bebida refinada ser recuperada”, escreveu Mundy em nota na segunda-feira.

A Campari não divulgou quanto poderia pagar pela controladora da Bellonnie & Bourdillon Successeurs, produtora de rum premium como Trois Rivières e Maison La Mauny, bem como da marca local Duquesne. As marcas venderam 24,1 milhões de euros no ano passado, disse a Campari no sábado em anúncio sobre as negociações.

As tendências para bebidas são afetadas pela mudança de gosto, pois algumas bebidas populares saem de moda e são substituídas por outras mais quentes ao longo do tempo. No Reino Unido, está se instalando um cansaço por gin, disse Mundy. O interesse renovado em beber rum, o perfil do sabor adocicado da bebida, sua acessibilidade e sua adequação para misturar em coquetéis são motivos para otimismo quanto às perspectivas para a bebida, escreveu Mundy.

Embora não exista um “consenso claro sobre qual será a próxima grande novidade”, a muito falada revolução do rum precisa ser acompanhada por investimentos de empresas como Pernod Ricard, disse o analista da Jefferies em relatório anterior este mês. O rum tem sido uma das categorias de bebidas de crescimento mais lento na última década, disse ele.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Leia mais sobre: Bebidas, Bloomberg, Economia, Empresas

Última atualização por Diana Cheng - 22/07/2019 - 13:46