Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Santander projeta expansão acelerada e lucrativa para Grupo Mateus

20/11/2020 - 13:20
Grupo Mateus
De acordo com o analista Ruben Couto, o Grupo Mateus deve aproveitar a forte presença que tem nas regiões Norte e Nordeste para dar início à sua “expansão acelerada e lucrativa” (Imagem: YouTube/Mix Atacarejo)

O Santander (SANB11) iniciou a cobertura das ações do Grupo Mateus (GMAT3), varejista de alimentos que abriu seu capital na Bolsa neste ano, com recomendação de compra e preço-alvo de R$ 11 – o mesmo indicado pelo BTG Pactual (BPAC11) e pela XP Investimentos.

De acordo com o analista Ruben Couto, o Grupo Mateus deve aproveitar a forte presença que tem nas regiões Norte e Nordeste para dar início à sua “expansão acelerada e lucrativa”.

Na avaliação do Santander, a atuação da companhia em cidades pequenas também impulsionará a trajetória de crescimento:

“A infraestrutura logística do Grupo Mateus permite que a empresa se beneficie da presença em cidades menores (50% das lojas estão localizadas em cidades com menos de 200 mil habitantes), economicamente pouco atrativas para as redes nacionais, permitindo ao grupo capturar mercados inexplorados e menos competitivos”, afirmou Couto.

O BTG, em seu relatório de início de cobertura da empresa, disse que o Grupo Mateus combina o tamanho de um player nacional com a atuação de um player regional. Segundo o banco, a varejista tem uma história de crescimento bem-sucedida, dado o seu aumento de escala e poder de barganha com a indústria, além da boa localização das lojas e da execução decente das operações.

Pelas projeções da XP, o Grupo Mateus deve mais do que dobrar suas lojas para 325 em 2025. O crescimento médio anual de receita estimado para o período de 2019 a 2024 é de 26%.

A corretora avaliou que as ações da empresa têm potencial de valorização de 29%.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 20/11/2020 - 13:20