Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Saúde de Kim desperta rumores sobre sucessão na Coreia do Norte

22/04/2020 - 13:52
Bandeira da Coreia do Norte
Seus próprios filhos são ainda jovens e os adultos sobreviventes da família no poder enfrentam possíveis barreiras à ascensão (Imagem: Pixabay)

O mistério em torno da saúde de Kim Jong-un expõe a profunda incerteza sobre a linha de sucessão da Coreia do Norte, mais de oito anos após ele ter assumido o poder.

Embora a família Kim governe há sete décadas, passando o poder entre herdeiros homens como outras dinastias hereditárias, Kim, de 36 anos, não nomeou um sucessor.

Seus próprios filhos são ainda jovens e os adultos sobreviventes da família no poder enfrentam possíveis barreiras à ascensão.

Aqui estão alguns possíveis sucessores:

Kim Yo-jong, irmã

Parte representante real, parte assistente pessoal, Kim Yo-jong agora está entre os assessores mais próximos do irmão mais velho.

No início deste mês, ela foi renomeada como integrante suplente do Politburo do Partido dos Trabalhadores da Coreia. Como tal, é o único outro membro da família Kim com algo que se aproxima do poder real no regime.

Embora tenha se tornado a primeira integrante da família Kim a visitar Seul e acompanhar Kim Jong-un em suas cúpulas com o presidente dos EUA, Donald Trump, e com o líder chinês Xi Jinping, ela também tem desempenhado tarefas mundanas, como ajudar o líder a apagar um cigarro durante uma parada de trem na China.

Não está claro se a elite patriarcal da Coreia do Norte apoiará uma mulher relativamente jovem como a próxima “líder suprema” do país.

Filho de Kim Jong-un

Um herdeiro homem estabeleceria uma linha de sucessão mais convencional em uma dinastia anteriormente governada pelo pai de Kim, Kim Jong-il, e fundada pelo avô, Kim Il-sung.

Segundo o serviço de inteligência da Coreia do Sul, Kim teria se casado em 2009 com Ri Sol-ju, uma ex-cantora, e agora teriam três filhos.

O problema é que os filhos ainda não foram mencionadas oficialmente pela mídia estatal, e o filho mais velho teria nascido em 2010, segundo o jornal DongA Ilbo, da Coreia do Sul.

Dennis Rodman, o ex-astro do basquete que visitou a Coreia do Norte, disse em 2013 que também segurou uma bebê chamada Ju Ae. Isso provavelmente exigiria que qualquer uma das crianças governasse sob alguma forma de regente até atingirem a maioridade.

Kim Han-sol, sobrinho

Kim Han-sol, nascido em 1995, poderia ter se tornado herdeiro se seu pai, Kim Jong-nam, não tivesse brigado com Kim Jong-il e se exilado em Macau.

Kim Jong-nam era o meio-irmão mais velho de Kim Jong-un e seu rival mais forte, frequentando cassinos e ocasionalmente criticando o regime do irmão mais novo.

Todas as esperanças de que Kim Han-sol tinha de retornar a Pyongyang foram frustradas em 2017, quando seu pai foi assassinado no aeroporto de Kuala Lumpur por duas mulheres que jogaram o agente nervoso VX em seu rosto.

Kim Jong-chol, irmão

Kim Jong-chol, o único irmão sobrevivente de Kim Jong-un, seria outra possibilidade mais remota, já que tem demonstrado mais interesse nas guitarras do que na política.

Thae Yong-ho, ex-número 2 da embaixada da Coreia do Norte em Londres que desertou para a Coreia do Sul, disse uma vez que o irmão mais velho de Kim “não possui nenhum título oficial”, acrescentando que é “apenas um guitarrista realmente talentoso”.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Rafael Borges - 22/04/2020 - 13:52