Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Shell abandona holandeses e anuncia mudança de sede para Londres em ampla reforma

15/11/2021 - 17:38
Shell
Disputa: Shell se recente com imposto de 15% sobre dividendos cobrado pela Holanda (Imagem: REUTERS/Thilo Schmuelgen)

A Royal Dutch Shell anunciou nesta segunda-feira (15) que vai abandonar sua estrutura acionária dupla e transferir sua sede da Holanda para o Reino Unido, repelida por impostos do governo holandês e enfrentando uma pressão climática na Justiça conforme a gigante do setor energético faz sua transição do petróleo e gás.

A empresa, que há muito enfrenta questionamentos dos investidores sobre sua estrutura dupla e havia recentemente sido afetada por uma decisão da Justiça holandesa relativa a suas metas climáticas, pretende retirar do seu nome o “Royal Dutch”, que é parte de sua identidade desde 1907, para se tornar oficialmente a Shell Plc.

A empresa tem uma longa disputa com as autoridades holandesas por conta da taxa sobre dividendos de 15% do país em algumas de suas ações, o que torna a empresa menos atrativa para investidores internacionais. A Shell introduziu a estrutura de duas classes de ações em 2005, antes de uma revisão corporativa anterior.

Agilidade em aquisições

A nova estrutura única, com todas as ações sob a lei britânica, significa que nenhuma de suas ações estará submetida às leis holandesas. Também permitirá que a Shell possa fazer acordos de venda ou aquisição mais rápidos.

Em mais um agravamento de suas relações com a Holanda, o maior fundo de pensão holandês ABP anunciou no mês passado que vai tirar todas as ações da Shell e de outros ativos ligados a combustíveis fósseis de seu portfólio.

O governo holandês anunciou na segunda-feira que estava “desagradavelmente surpreso” com os planos da Shell de se mudar de Haia para Londres.

O ministro de Assuntos Econômicos da Holanda, Stef Blok, entrou em contato com os líderes de partidos políticos no parlamento na segunda-feira para buscar apoio à rejeição do imposto sobre dividendos, segundo reportou a rede RTL.

O governo foi forçado a retirar o mesmo plano em 2018 após oposição generalizada à medida, que foi vista pelo público como um presente para acionistas estrangeiros.

A decisão da Shell, no entanto, será vista como um voto de confiança em Londres após a saída britânica da União Europeia provocar uma migração de bilhões de dólares em tradings de ações diárias da capital do Reino Unido para Amsterdã.

As ações da Shell, que ainda serão negociadas em Amsterdã e em Nova York com o novo plano, subiram mais de 2% em Londres na segunda-feira após a notícia.

A mudança desta segunda-feira segue uma grande reforma que a Shell concluiu neste verão (do hemisfério norte) como parte de sua estratégia de migrar do petróleo e gás para energias renováveis e de baixo carbono. A reforma incluiu milhares de cortes de empregos em todo o mundo.

Última atualização por Márcio Juliboni - 15/11/2021 - 17:38

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web