Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Suprema Corte dos EUA aumenta acesso a armas e derruba lei do Estado de NY

23/06/2022 - 15:18
Suprema Corte dos EUA
A corte concluiu que a lei, aprovada em 1913, viola o direito de uma pessoa de “manter e portar armas” de acordo com a Segunda Emenda da Constituição dos Estados Unidos (Imagem: REUTERS/Leah Millis)

A Suprema Corte dos Estados Unidos declarou nesta quinta-feira pela primeira vez que a Constituição norte-americana protege o direito individual de porte de arma em público para a defesa pessoal, oferecendo uma vitória histórica para os defensores do acesso aos armamentos em um país profundamente dividido sobre a questão da violência causada por armas de fogo.

A decisão, pelo placar dividido de 6 a 3, com os juízes conservadores na maioria e os juízes progressistas em discordância, derrubou os limites estabelecidos pelo Estado de Nova York sobre o porte de armas ocultas fora de casa.

A corte concluiu que a lei, aprovada em 1913, viola o direito de uma pessoa de “manter e portar armas” de acordo com a Segunda Emenda da Constituição dos Estados Unidos.

A decisão, de autoria do juiz Clarence Thomas, declara que a Constituição protege “o direito de um indivíduo de portar uma arma de fogo para autodefesa fora de casa”.

Thomas acrescenta: “Não sabemos de nenhum outro direito constitucional que possa ser exercido por um indivíduo apenas após demonstrar a autoridades do governo a existência de uma necessidade especial”.

A decisão pode derrubar restrições similares em outros Estados norte-americanos e afetar outros tipos de restrições estaduais e locais às armas de fogo no país.

O direito às armas, prezado por muitos norte-americanos e prometido pelos fundadores do país no Século 18, é uma questão polêmica em uma nação com alta incidência de violência causada por armas de fogo, inclusive com diversos atentados em massa. O presidente norte-americano, Joe Biden, que classificou a violência por armas de fogo como uma vergonha nacional, criticou a decisão.

“Essa decisão contradiz tanto o bom senso quanto a Constituição, e deveria nos perturbar profundamente”, disse Biden. “Na esteira dos horríveis ataques em Buffalo e Uvalde, assim como os atos diários de violência por armas que não chegam às manchetes, precisamos fazer mais como sociedade –não menos– para proteger nossos compatriotas americanos.”

Siga o Money Times no Facebook!

Curta nossa página no Facebook e conecte-se com jornalistas e leitores do Money Times. Nosso time traz as discussões mais importantes do dia e você participa das conversas sobre as notícias e análises de tudo o que acontece no Brasil e no mundo. Siga agora a página do Money Times no Facebook!

Última atualização por Rafael Borges - 23/06/2022 - 15:18

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto