Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Telecomunicações: consolidação do mercado ainda é o principal gatilho para os papéis, avalia Safra

20/07/2020 - 11:31
Escritório da Vivo VIVT4
Na avaliação do Safra, a receita líquida da Vivo retrairá 6,8% na comparação anual, com a receita de serviços móveis acelerando a trajetória de queda (Imagem: LinkedIn/ Divulgação/ Vivo)

As operadoras de telecomunicações divulgarão seus resultados do segundo trimestre de 2020 no fim do mês. Analistas do Banco Safra estimam que Vivo (VIVT4) e TIM Participações (TIMP3) reportarão dados levemente mais baixos, reflexo da queda da atividade econômica causada pela pandemia do coronavírus.

“Acreditamos que as medidas de distanciamento social devem impactar negativamente a receita líquida dessas companhias (especialmente em recargas móveis pré-pagas, vendas de aparelhos e serviços de voz fixos), também afetando as margens operacionais devido à menor diluição de custos”, comentam os analistas Luiz F. Azevedo e Silvio Dória.

Na avaliação do Safra, a receita líquida da Vivo retrairá 6,8% na comparação anual, com a receita de serviços móveis acelerando a trajetória de queda. As vendas de aparelhos devem bater recorde de contração no período (-52,8%), enquanto a margem Ebitda subirá 1,9 ponto percentual, para 41,1%.

A receita da TIM deve cair 6%, com o segmento de serviços móveis contraindo 3,8%. Por outro lado, as receitas fixas manterão a boa performance, avançando 9,7% no segundo trimestre.

Tim TIMP3
O Safra acredita que os ganhos de eficiência da TIM não serão o suficiente para compensar a contração na receita do segundo trimestre (Imagem: Divulgação/Ismar Ingber)

“Também esperamos que a Tim continue demonstrando um controle de custos consistente, especialmente durante esse período de pandemia. Mesmo assim, os ganhos de eficiência não serão o suficiente para compensar a contração na receita, o que pode levar a uma queda de 2,2% do Ebitda ajustado (para R$ 1,919 bilhão)”, complementam Azevedo e Dória.

Apesar da queda esperada dos números, o banco destaca que as companhias provavelmente demonstrarão certa resiliência em seus balanços, performando melhor do que muitos outros setores. Além disso, o Safra defende que os resultados não serão o principal gatilho para as ações, e sim a consolidação do mercado (principalmente com a venda dos ativos da Oi (OIBR3)).

Os analistas têm recomendação de outperform (desempenho acima da média do mercado) para as ações da Vivo e da TIM, com preços-alvos para o fim de 2020 de, respectivamente, R$ 56 e R$ 19.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 20/07/2020 - 11:31

Cotações Crypto
Pela Web