Tempo Real

Tempo real: Ibovespa (IBOV) tem leve alta e sustenta os 127 mil pontos com IPCA e recordes de NY; dólar cai a R$ 5,41

10 jul 2024, 7:00 - atualizado em 10 jul 2024, 17:22
ibovespa-ações -bolsa-b3 tempo real
Acompanhe o Ibovespa e os mercados em Tempo Real. (Imagem: REUTERS)

RESUMO DO DIA: O Ibovespa (IBOV) fechou em alta pelo oitavo dia de ganhos consecutivos.

O principal índice da bolsa brasileira terminou o pregão com avanço de 0,09%, aos 127.218,24 pontos. O dólar à vista (USDBRL) seguiu a tendência de quedas e recuou 0,04%, a R$ 5,4126.

Os investidores locais repercutiram o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de junho, que veio abaixo das expectativas. A inflação desacelerou de 0,46% em maio para 0,21% em junho.

No acumulado de 12 meses, o IPCA acelerou alta para 4,23%, ainda dentro do teto da meta de inflação definida para este ano.

Além disso, o cenário fiscal continuou nos holofotes com a a regulamentação da Reforma Tributária na Câmara dos Deputados e o projeto de lei da desoneração da folha de pagamentos no Senado Federal.

No exterior, as atenções ficaram concentradas nas falas do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, que participou do segundo dia de sabatina no Congresso norte-americano.

Entre os destaques, Powell afirmou ter “alguma confiança” de que a inflação está arrefecendo, mas que ainda precisa de mais ‘segurança’ na queda “em direção à meta de 2%”. Ele disse, porém, que o Fed não pretende esperar a inflação atingir a meta para começar a reduzir os juros.

Confira os principais temas do Ibovespa e dos mercados nesta quarta-feira (10) em tempo real



Câmara aprova texto-base do projeto principal de regulamentação da reforma tributária
Arthur Lira, Câmara, Reforma tributária
Os deputados votam agora os destaques. (Imagem: Bruno Spada/Câmara dos Deputados)

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (10) o texto-base do primeiro projeto que regulamenta a reforma tributária, com várias mudanças em relação ao projeto original, de autoria do Poder Executivo.

O projeto regulamenta diversos aspectos da cobrança do IBS, da CBS e do Imposto Seletivo, que substituirão o PIS, a Cofins, o ICMS, o ISS e parcialmente o IPI.

Leia mais.

Hapvida: Ex-CFO deixa cargo no conselho da companhia
Hapvida , HAPV3
Teixeira foi eleito CFO da Hapvida no início de 2021. (Imagem: Facebook/Hapvida)

O ex-diretor financeiro e de relações com investidores da Hapvida (HAPV3) Mauricio Fernandes Teixeira, que atuava como membro do conselho de administração da companhia desde o início deste ano, renunciou, informou a operadora de saúde nesta quarta-feira.

Para ocupar seu lugar, foi eleito pelo colegiado Carlos Massaru Takahashi, ex-executivo do Banco do Brasil e atual chairman da BlackRock no Brasil.

Leia mais.

Copel (CPLE6) vende companhia de gás paranaense para grupo Cosan por R$ 906 milhões
Compagas, gás natural
Companhia paranaense de energia elétrica disse que a transação faz parte da estratégia de focar em seu core business. (Imagem: REUTERS/Gleb Garanich)

A Copel (CPLE6) informou nesta quarta-feira (10) que celebrou um contrato para a venda da participação de 51% na Companhia Paranaense de Gás (Compagas) por R$ 906 milhões, para a Compass Dois – subsidiária da Compass, empresa do grupo Cosan.

Segundo a empresa, 40% do valor ser pago até o fechamento da operação; 30% até 31 de dezembro de 2025; e 30% até 31 de dezembro de 2026. A data-base da transação é 31 de dezembro de 2023. Nesta data, a dívida líquida total da Compagas era de R$ 182,8 milhões.

Leia mais.

Wilson Sons (PORT3) aprova aumento de capital e R$ 108 milhões em dividendos; confira
wilson sons dividendos
Os dividendos poderão ser imputados aos dividendos obrigatórios no exercício social a ser encerrado em 31 de dezembro de 2024 (Imagem: Divulgação Wilson Sons)

Wilson Sons (PORT3), que atua no setor de transporte e logística, comunicou nesta quarta-feira (10) que aprovou aumento de capital de R$ 1,731 milhão – que representam 200 mil ações no valor de R$ 8,65 -, chegando a um capital total de R$ 353,401 milhões, dividido em 440.188.900 ações.

Além disso, a empresa aprovou o pagamento de dividendos intermediários, com base no resultado financeiro até 30 de junho de 2024. Serão pagos R$ 108,774 milhões, valor total de R$0,24710756 por ação, considerando a posição acionária de 15 de julho, sendo negociados ex-dividendos a partir de 16 de julho.

Leia mais.

Valor para compensar desoneração foi revisto para R$ 18 bilhões, diz Haddad
Fernando Haddad-Petrobras
O STF decidiu, em maio, que o governo tem 60 dias para apresentar uma fonte de compensação financeira para a desoneração da folha. (Imagem: REUTERS/Adriano Machado)

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, disse que a estimativa de valor necessário para compensar as perdas fiscais causadas pela desoneração da folha de pagamento foi reduzida de R$ 22 bilhões para R$ 18 bilhões em 2024 por causa da evolução das receitas ao longo do ano.

Haddad defendeu que o Senado aprove, antes do recesso parlamentar, o projeto de lei que compensa os R$ 18 bilhões da prorrogação do benefício. O ministro ressaltou que o governo precisa dos recursos para elaborar o Orçamento de 2025, que será enviado ao Congresso no fim de agosto.

Leia mais.

Cury (CURY3): Lançamentos chegam a R$ 1,7 bilhão no segundo trimestre, alta de 42%
cury
No segundo trimestre, as vendas líquidas totalizaram R$ 1,74 bilhão. (Imagem: Reprodução)

A Cury (CURY3) informou nesta quarta-feira (10) que lançou oito empreendimentos, totalizando um valor geral de vendas (VGV) de R$ 1,73 bilhão no segundo trimestre de 2024, aumento de 41,9% em relação ao mesmo período do ano anterior. Na primeira metade do ano, o total de lançamentos atingiu R$ 3,61 bilhões, 37,0% acima do mesmo período do ano anterior.

O preço médio das unidades lançadas atingiu R$ 310,4 mil no segundo trimestre, queda de 3,5% em relação ao mesmo período do ano anterior. De acordo com a empresa, o desempenho é resultado de um mix de produtos lançados neste trimestre. Nos semestre, o preço médio das unidades lançadas atingiu R$ 313,4 mil, alta de 5,5%.

Leia mais.

MRV (MRVE3) reporta R$ 2,5 bi em vendas no 2T24, valor recorde; confira prévia operacional
mrv mrve3
Segundo o CFO da MRV, o impulso no setor do programa habitacional Minha Casa, Minha Vida, ainda não atingiu seu platô (Foto: Flávya Pereira/Money Times)

MRV (MRVE3) divulgou nessa quarta-feira (10) sua prévia operacional do segundo trimestre com valor recorde para vendas líquidas, de R$ 2,5 bilhões, incremento de 14,1% na comparação com o mesmo trimestre do ano passado.

À Reuters, o diretor financeiro da MRV, Ricardo Paixão, disse que resultado do segundo trimestre reforça a confiança da empresa em cumprir com as projeções estabelecidas neste ano.

Leia mais.

Futuros da soja caem para mínima de 2020 com fortes perspectivas de safra nos EUA
Ucrânia soja milho
Vários contratos de soja e milho atingiram mínimas históricas, com riscos limitados para as lavouras dos Estados Unidos (Imagem: REUTERS/Anna Voitenko)

Os contratos futuros de soja na bolsa de Chicago caíram para o menor nível desde 2020 nesta quarta-feira (10), enquanto o milho pairava perto do menor nível em quatro anos, em meio a condições favoráveis ​​das colheitas nos Estados Unidos.

Vários contratos de soja e milho atingiram mínimas históricas, uma vez que os operadores consideram que as previsões meteorológicas dos EUA representam ameaças limitadas às colheitas durante o período de cultivo do verão.

Leia mais.

3tentos (TTEN3): Itaú inicia cobertura e XP vê inflexão após desafios; para ter na carteira?
3tentos TTEN3
Para corretora, a 3tentos sai fortalecida de tempestade e melhora na visibilidade dos lucros deve ser vista no curto prazo (Imagem: Divulgação/ Site da 3tentos)

O Itaú BBA iniciou sua cobertura para as ações da 3tentos (TTEN3), a partir do mais recente plano de expansão da companha e a recente desaceleração da cadeia de fornecimento do agronegócio brasileiro.

De modo geral, o banco vê a tese como uma história de crescimento única, com a sua plataforma integrada sendo uma vantagem competitiva chave num setor em desaceleração, que ainda enfrenta incertezas de curto prazo relacionadas com commodities.

Leia mais.

; confira as maiores altas e quedas do Ibovespa hoje

Confira as maiores altas do Ibovespa hoje:

  • Santander (SANB11): 3,63%, a R$ 27,71
  • LWSA (LWSA3): 3,56%, a R$ 4,65
  • EzTec (EZTC3): 3,19%, a R$ 14,25
  • Rumo (RAIL3): 2,66%, a R$ 22,35
  • Cyrela (CYRE3): 2,54%, a R$ 20,55

Confira as maiores quedas do Ibovespa hoje:

  • Azul (AZUL4): -4,49%, a R$ 8,50
  • Vivara (VIVA3): -2,20%, a R$ 22,25
  • CVC (CVCB3): -1,86%, a R$ 2,11
  • Yduqs (YDUQ3) -1,24%, a R$ 11,90
  • Cogna (COGN3): -2,13%, a R$ 1,84
Ibovespa (IBOV) se mantém invicto em julho e fecha em alta pela oitava vez consecutiva; dólar cai a R$ 5,41
ações bolsa brasileira
(Imagem: Shutterstock)

Desde o início de julho, o principal índice da bolsa brasileira opera em tom positivo — e nesta quarta-feira (10) não foi diferente. Pelo oitavo pregão consecutivo o Ibovespa (IBOV) encerrou em alta de 0,09%, aos 127.218,24 pontos. As cotações são preliminares. 

Já o dólar à vista (USBRL) terminou a sessão a R$ 5,4126, com leve recuo de 0,04%. 

Leia mais.

Dólar à vista fecha em queda com Powell e IPCA no foco; veja cotação
dolar - real
(Imagem: Getty Images/ Canva Pro)

Na continuidade do ritmo de quedas, o dólar à vista (USDBRL) perdeu força em relação ao real mais uma vez e encerrou as negociações desta quarta-feira (10) a R$ 5,4126, em leve queda de 0,04%. 

Em sessão marcada por volatilidade, a moeda norte-americana atingiu a menor cotação desde 14 de junho, a R$ 5,3731 (-0,77%).

Leia mais.

**Ibovespa fecha em alta de 0,09%, aos 127.218,24 pontos
Bolsas de Nova York fecham em alta de mais de 1% com Powell e ações de tecnologia; S&P 500 e Nasdaq renovam recordes de fechamento

S&P 500 ultrapassou os 5.600 pontos pela primeira vez na história.

Confira o fechamento dos índices de Nova York:

  • S&P 500: +1,02, aos 5.633,91 pontos;
  • Dow Jones: +1,09%, aos 39.721,36 pontos;
  • Nasdaq: +1,18%, aos 18.647,45 pontos.
**Nasdaq e S&P 500 renovam recorde de fechamento
**Dólar à vista fecha a R$ 5,4126, com queda de 0,04%
Retornos de até 96% do CDI: Mercado Pago adiciona LCI e LCA isentos de Imposto de Renda no portfólio
renda fixa
As letras de crédito podem ser pré ou pós-fixadas com taxas promocionais com rendimentos de até 96% do CDI. (Imagem: 89Stocker)

O Mercado Pago, banco digital parceiro do Mercado Livre, ampliou seu portfólio de investimentos em renda fixa. Agora, o aplicativo também oferece títulos isentos de Imposto de Renda, como Letra de Crédito Imobiliário (LCI) e Letra de Crédito do Agronegócio (LCA), podendo ser pré ou pós-fixadas.

As novas opções de investimento terão prazos e rendimentos diferenciados para o lançamento, portanto será disponibilizado letras com vencimento de 9 meses, com rendimento de 92% do CDI.

Leia mais.

VALE3, GGBR4, USIM5, CSNA3 e CMIN3: Quem saíra vencedor do 2T24, segundo Safra
Mineração, Siderurgia, XP Investimentos, Minério de Ferro, Vale, CSN Mineração
O setor não tem vivido seus melhores dias, na esteira da fraqueza da China (Imagem: Getty Images/Canva)

Enquanto a safra de resultados não começa, bancos e corretoras já traçam o cenário para as empresas no segundo trimestre de 2024. Para o setor de mineração e siderurgia, o Safra espera recuperação do minério de ferro, enquanto o aço continuará decepcionando. O setor não tem vivido seus melhores dias, na esteira da fraqueza da China. A Vale (VALE3), por exemplo, acumula queda de 19% no ano. O papel se encontra no menor patamar em anos.

  • Ação siderúrgica com dividendos projetados de 10% é uma das recomendações para quem busca renda extra na bolsa; conheça gratuitamente

“Para o minério de ferro, o crescimento dos resultados virá provavelmente de uma melhor sazonalidade da produção, apesar de uma queda nos preços realizados. No caso do aço, os resultados em geral deverão permanecer pressionados devido aos custos elevados e aos preços internos estáveis”, dizem Ricardo Monegaglia e Conrado Vegner, que assinam o relatório.

Leia mais.

Petróleo tem leve alta com queda nos estoques nos EUA e relatório da Opep
petróleo o que está acontecendo com a commodity brasil economia eua
(Imagem: Pixabay)

O petróleo encerrou as negociações nesta quarta-feira (10) em alta. Mais uma vez, a commodity avançou em meio ao enfraquecimento do dólar com perspectivas de que o Federal Reserve (Fed) inicie o afrouxamento monetário até o fim do ano.

Além disso, os estoques do petróleo nos Estados Unidos caíram mais que o previsto na semana passada.

Leia mais.

Reforma tributária: Relator apresenta mudanças para proposta de regulamentação
Há pouco, os deputados rejeitaram, por 309 votos a 139, um requerimento do PL para adiamento da discussão. (Imagem: REUTERS/Adriano Machado)

O deputado Reginaldo Lopes (PT-MG), relator da proposta que regulamenta a reforma tributária, apresentou em Plenário um substitutivo ao Projeto de Lei Complementar (PLP) 68/24, do Poder Executivo.

O projeto define regras para o Imposto sobre Bens e Serviços (IBS), a Contribuição Social sobre Bens e Serviços (CBS) e o Imposto Seletivo (IS), todos criados pela reforma. O substitutivo apresentado corresponde, na maior parte, à versão elaborada pelo grupo de trabalho da Câmara que analisou o tema.

Leia mais.

Emissora de CRI pede recuperação judicial e 2 FIIs se manifestam; veja se os fundos serão afetados
cri - fundos imobiliários
Participação de FIIs chega a até 5,78%. (Imagem: Canva Pro)

Dois fundos imobiliários informaram seus cotistas que possuem uma porcentagem de seu patrimônio em um Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI), o qual suas devedoras informaram que entraram com um processo de Recuperação Judicial (RJ).

As empresas que tomaram o crédito são a AR22 Incorporação e Construção e Arquiplan Desenvolvimento Imobiliário, que fazem parte do CRI de código 22C1024589.

Leia mais.

La Niña ‘fraco ou moderado’ promete efeito tardio; entenda
la nina clima
O fenômeno climático, que deve ser marcado por intensidade fraca ou moderada, promete impactar semeadura; os reflexos do La Niña (Foto: Reuters/Agustin Marcarian)

O La Niñacaracterizado pelo resfriamento anômalo das águas do Oceano Pacífico na faixa equatorial, promete ser marcado por fraca a moderada intensidade, e deve começar um pouco mais tarde do que o habitual.

O fenômeno climático, que deve ser marcado por fraca a moderada intensidade, promete entrar em vigência no final do inverno (setembro), segundo a Climatempo.

Leia mais.

IPCA de junho tira risco de retomada de altas da Selic da frente, diz economista
ipca inflação selic
Perspectiva para as próximas leituras do IPCA é positiva, diz economista (Imagem: Gadini/Pixabay)

A leitura da inflação de junho foi “bastante positiva tanto do ponto de vista quantitativo e qualitativo”, avalia o economista sênior do Inter, André Valério. “Devolveu toda a alta de maio, que foi amplamente influenciado pelos eventos catastróficos do Rio Grande do Sul”, afirma.

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) desacelerou frente ao mês anterior e subiu 0,21% em junho. Em 12 meses, a inflação acumula alta de 4,23%.

Leia mais.

XP eleva projeção do IPCA de 3,8% para 4,0% em 2024

Segundo o relatório, a elevação da expectativa para a inflação trata-se de uma atualização ao reajuste nos preços dos combustíveis, anunciado pela Petrobras na última segunda-feira (8).

Azul (AZUL4) recua mais de 4% após cinco sessões consecutivas de alta

As ações da Azul (AZUL4) lideram as perdas do Ibovespa, com queda de 4,04%, a R$ 8,54.

Os papéis são pressionados pelo rebaixamento de recomendação de compra para neutro pelo JP Morgan. O banco também cortou o preço-alvo de R$ 24,50 para R$ 19.

Brasil tem fluxo cambial negativo de US$840 mi em julho até dia 5, diz BC

O Brasil registrou fluxo cambial total negativo de 840 milhões de dólares em julho até o dia 5, em movimento puxado pela via financeira, informou nesta quarta-feira o Banco Central. O período corresponde à primeira semana do mês.

Os dados mais recentes são preliminares e fazem parte das estatísticas referentes ao câmbio contratado.

Pelo canal financeiro, houve saídas líquidas de 1,465 bilhão de dólares em julho até o dia 5. Por este canal são realizados os investimentos estrangeiros diretos e em carteira, as remessas de lucro e o pagamento de juros, entre outras operações.

Pelo canal comercial, o saldo de julho até o dia 5 foi positivo em 625 milhões de dólares.

No acumulado do ano até 5 de julho, o Brasil registra fluxo cambial total positivo de 10,790 bilhões de dólares. No mesmo período do ano passado, o fluxo estava positivo em 15,760 bilhões de dólares.

 

*Com informações de Reuters 

XPML11, BTLG11 ou BRCO11: Os 7 FIIs mais indicados por 15 analistas para investir em julho
fundos imobiliários - carteira recomendada
Ifix apresentou alta de 1,08% durante o mês de junho. (Imagem: Pexels/ Canva Pro)

A coroa segue bastante disputada. Três fundos imobiliários  empataram no primeiro colocado entre os FIIs que tiveram o maior número de recomendações para julho, segundo levantamento do Money Times.

Disputam o topo do ranking o XP Malls (XPML11), Kinea Rendimentos Imobiliários (KNCR11) e TRX Real Estate (TRXF11), com sete indicações cada. 

Leia mais.

Ouro fecha em alta

O ouro fechou em alta com apoio das expectativas de corte nos juros pelo Federal Reserve (Fed) após declarações do presidente do BC norte-americano, Jerome Powell.

Os contratos mais líquidos do ouro, com vencimento em agosto, terminaram o dia com alta de 0,50%, a US$ 2.379,70 a onça-troy na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex).

**Nasdaq sobe 1% com impulso de empresas de tecnologia
LWSA (LWSA3) lidera ganhos do Ibovespa com alta de mais de 3%

As ações da LWSA (LWSA3), antiga Locaweb, operam em alta de 3,12%, a R$ 4,63 com relatório do BTG Pactual.

Os analistas do banco afirmar que os preços dos papéis estão próximo ao preço do IPO, o que “não faz sentido”.

“A LWSA está agora perto do preço do IPO, depois de cair 25% no acumulado do ano. Nos níveis atuais, acreditamos firmemente que as ações oferecem aos investidores uma oportunidade única”, escrevem os analistas Osni Carfi e Carlos Sequeira que assinam o relatório.

As limitações e a insegurança jurídica em torno do uso de bioinsumos no Brasil
bioinsumos insegurança jurídica
O país conta apenas com uma norma para bioinsumos, a partir de um decreto de federal de 2020, enquanto 2 PL’s tramitam no parlamento (Imagem: Reprodução/Embrapa)

(***ERRATA: Anteriormente, citamos que a Associação Brasileira de Bioinsumos (ABBINS) e Grupo Associado de Agricultura Sustentável (GAAS) defendiam uma regulação para produção on farm. Na verdade, as duas instituições defendem a derrubada do veto 65, que liberaria a produção on farm e a aprovação do projeto de lei de bioinsumos).

Os bioinsumos são uma forma de biotecnologia alternativa, em alguns casos, aos insumos, fertilizantes e defensivos agrícolas tradicionais. Ao invés de utilizar uma composição química, utiliza-se compostos biológicos.

Leia mais.

**Ibovespa (IBOV) opera em queda de 0,093%, aos 126.989,91 pontos
Bitcoin (BTC) influencia corrida presidencial norte-americana; entenda
bitcoin eua corrida eleitoral
Enquanto Trump adota discurso pró-Bitcoin e outras criptomoedas, agentes afirmam que Biden deveria fazer o mesmo (Imagem: designs de Fernando Cortes/ Canva Pro)

Além do republicano Donald Trump e do democrata Joe Biden, outro personagem pode movimentar a corrida presidencial dos Estados Unidos (EUA): o Bitcoin (BTC).

O ex-presidente Trump já havia se declarado um “criptopresidente” e prometeu acabar com a “guerra contra as criptomoedas”. Recentemente, ele também manifestou seu desejo de que todo o BTC restante nos EUA fosse minerado e sua campanha começou a aceitar doações em criptomoedas.

Leia mais.

**Dólar à vista tem máxima a R$ 5,4204, com alta de 0,10%
Azul (AZUL4) recua quase 3% e LWSA (LWSA3) lidera ganhos com avanço de 4%; confira as altas e quedas do Ibovespa (até agora)

Confira as maiores altas:

  • LWSA (LWSA3): +4,01%, a R$ 4,67;
  • Magazine Luiza (MGLU3): +2,74%, a R$ 13,88;
  • Embraer (EMBR3): +2,78%, a R$ 39,88;
  • Rumo (RAIL3): +2,57%, a R$ 22,33;
  • EzTec (EZTC3): +2,53%, a R$ 14,16.

Confira as maiores quedas do Ibovespa até agora:

  • Azul (AZUL4): -2,58%, a R$ 8,67;
  • Vivara (VIVA3): -1,76%, a R$ 22,35;
  • Vale (VALE3): -1,38%, a R$ 62,15;
  • Assaí (ASAI3): -1,22%, a R$ 11,34;
  • Weg (WEGE3): -1,03%, a R$ 44,09.
COMO ANDAM OS MERCADOS: Ibovespa sustenta os 127 mil pontos e dólar cai a R$ 5,40

Em continuidade a sequência de ganhos consecutivos, o Ibovespa sustenta os 127 mil pontos com o fechamento da curva de juros e o tom positiva de Wall Street.

O Ibovespa sobe 0,10%, aos 127.238,60 pontos. Mas a queda das ações da Petrobras (PETR4) e Vale (VALE3) limitam os ganhos.

O dólar à vista cai 0,26%, a R$ 5,4008.

Por aqui, o alívio nos DIs repercute a desaceleração da inflação em junho. O IPCA caiu de 0,46% em maio para 0,21% em junho, abaixo do esperado pelo mercado.

Entre os destaques, Azul (AZUL4) lidera as perdas do Ibovespa com rebaixamento de recomendação de compra para neutro pelo JP Morgan. LWSA (LWSA3) sobe com relatório do BTG Pactual.

Vamos (VAMO3) e Magazine Luiza (MGLU3) também estão entre as maiores altas do principal índice da bolsa brasileira com revisões de recomendações de bancos.

Lá fora, as atenções ficam concentradas nas declarações do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, na Câmara dos Representantes. Entre as falas, o dirigente disse que as decisões do BC norte-americano seguem sendo tomadas com base em dados e “não outro fatores como políticos”. “Não é apropriado levarmos em consideração o cenário eleitoral”, disse Powell.

 

CSAN3, KLBN11, JBSS3 ou SUZB3? As melhores ações do agro para julho, segundo 23 analistas
agro ações csan3
Melhores preços da celulose, bom momentum para frigoríficos e um possível IPO estão entre os motivos para as escolhas do agro (Imagem: Getty Images/Canva)

As ações da Cosan (CSAN3) e Klabin (KLBN11) dividem a liderança entre as ações do agro mais recomendadas entre 23 instituições, de acordo com levantamento do Money Times. Cada uma das empresas recebeu seis indicações.

Os destaques para Cosan fica por conta de um IPO da Moove e um impulso das subsidiárias, enquanto a Klabin deve ser beneficiada por melhores preços da celulose, de acordo com analistas.

Leia mais.

Bitcoin (BTC) abaixo de US$ 60 mil: por que a cripto acumula perdas de 8% em julho, segundo CEO da Ripio
Sebastián Serrano_Ripio bitcoin criptomoedas ethereum
Segundo o CEO e cofundador da Ripio, Sebastián Serrano, há três motivos que estão afetando o mercado do Bitcoin. (Reprodução: LinkedIn Ripio)

Desde o início do mês de julho, o mercado viu o preço do Bitcoin (BTC) sair de US$ 62 mil para o patamar de US$ 57 mil, acumulando uma queda de 8%.

Nesta quarta-feira (10), a criptomoeda opera em alta de 1,20%, em um movimento de recuperação, mas se mantém abaixo dos US$ 58 mil, por volta das 12h25.

Leia mais.

Ação da Cemig desacelera perda após cair 3% com volta das discussões sobre federalização
cemig 1t24 ações empiricus xp dividendos elétrica
Logo da Cemig (Imagem: REUTERS/Amanda Perobelli)

As ações da companhia mineira de energia Cemig chegaram a recuar quase 3% nesta quarta-feira (10), com a retomada das discussões sobre uma eventual federalização da empresa como parte do plano de reestruturação da dívida do Estado de Minas Gerais com a União.

Por volta de 12h37, as ações preferenciais da Cemig (CMIG4) recuavam 1,08%, a R$ 12,79, após terem recuado a 10,23 reais na mínima do pregão até o momento (-2,95%). No mesmo horário, o Ibovespa registrava alta de 0,08%.

Leia mais.

Powell diz que ciclos eleitorais não influenciam escolhas do Fed
juros-eua-estados-unidos-jerome-powell-federal-reserve-fed agenda
(Imagem: REUTERS/Kevin Lamarque)

O chair do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, disse nesta quarta-feira (10) que a política não desempenha nenhum papel nas escolhas que o banco central norte-americano terá que fazer quando se trata de política monetária.

“Tomamos as nossas decisões com base em dados econômicos” e nas expectativas sobre as perspectivas, disse Powell em painel do Congresso.

Leia mais.

Bolsas na Europa fecham em alta

As bolsas europeias encerraram o pregão em alta em recuperação das perdas da sessão anterior — que tiveram foco nas incertezas política na França após a eleição do último domingo (7).

Os investidores também acompanharam novas declarações do presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, em audiência hoje na Câmara dos Representantes dos Estados Unidos.

Confira o fechamento dos principais índices da Europa:

  • DAX (Frankfurt): +0,99%, aos 18.417,50 pontos;
  • FTSE 100 (Londres): +0,66%, aos 8.193,51 pontos;
  • CAC 40 (Paris): +0,86%, aos 7.573,55 pontos;
  • Stoxx 600: +0,93%, aos 516,50 pontos.
**Ibovespa reduz ganhos para 0,03%, aos 127.149,57 pontos, com queda de Petrobras (PETR4) e Vale (VALE3)

 

O que está por trás da alta de mais de 20% da Americanas (AMER3) hoje na B3 

Mais uma vez as ações da Americanas (AMER3), em recuperação judicial, operam entre as maiores altas da B3 nesta quarta-feira (10) com um ‘conjunto’ de fatores favoráveis para a companhia. 

Leia mais.

Powell: Dados ainda não trazem confiança para Fed cortar juros dos EUA; e agora?
jerome powell federal reserve juros eua estados unidos
Powell disse que o Fed ainda precisa de “mais dados bons” para cortar juros dos EUA (Imagem: Reuters/Kevin Lamarque)

O presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, afirmou que os dados recebidos no primeiro trimestre deste ano não trouxeram confiança suficiente para iniciar o ciclo de corte de juros nos Estados Unidos (EUA).

Em sabatina no Comitê de Serviços Financeiros da Câmara nesta quarta-feira (10), Powell disse aos Deputados que a “inflação tem diminuído nos últimos anos, mas segue acima da meta”. Além disso, a disparidade nos empregos “está bem abaixo do seu pico e um pouco acima do nível de 2019”.

Leia mais.

Caixa turbinado e ainda mais baratas: Veja 3 ações que ganham com alta do dólar
dólar real ações petrobras PETR4 vale VALE3
Por outro lado, de nada adianta a empresa ter receitas relacionadas ao dólar se as dívidas também estiverem ancoradas na moeda (Imagem: Pixabay)

Se a disparada do dólar é uma dor de cabeça para o governo e os brasileiros, no caso de algumas empresas ele pode ser a salvação, ou, pelo menos, ajudar a incrementar os lucros no final do semestre. São companhias exportadoras que recebem em dólar e que, na conversão ao real, podem ter o caixa ‘turbinado’ com a alta da moeda, que não custa lembrar, passou de R$ 5,10 no início de maio para os atuais R$ 5,40.

  • Como proteger os seus investimentos: dólar e ouro são ativos “clássicos” para quem quer blindar o patrimônio da volatilidade do mercado. Mas, afinal, qual é a melhor forma de investir em cada um deles? Descubra aqui. 

Em relatório enviado a clientes, o Safra cita três ações de sua cobertura: Usiminas (USIM5; compra), a Suzano (SUZB3; compra) e a Gerdau (GGBR4; neutro). De acordo com o analista Ricardo Monegaglia, que assina o relatório, além das receitas ligadas à moeda, essas empresas possuem menos dívida em moedas estrangeiras.

Leia mais.

Os 10 FIIs que mais valorizaram no ano até agora; valorização chega até 311,76%
fundos-imobiliarios-fiis
O índice de Fundos de Investimentos Imobiliários (IFIX) acumulava uma alta de 1,14% no ano. (Foto: Flávya Pereira/Money Times)

A Quantum Finance realizou um levantamento para identificar os melhores retornos acumulados e os fundos imobiliários com maiores dividendos em 2024. Os ativos tiveram uma valorização de até 311,76% e dividend yield de 11,05%.

O ano tem sido de altos e baixos para os FIIs, principalmente, após o ciclo de cortes na taxa básica de juros, a Selic, ser interrompido no mês de junho pelo Banco Central.

Leia mais.

A construtora que pode abrir caminho para dividendos em 2024
dividendos - reais ibovespa
Empresa pode ter rendimento de dividendos superior a 10%, segundo o Bradesco BBI. (Imagem: Getty Images)

A Moura Dubeux (MDNE3) pode reverter prejuízos acumulados já no segundo trimestre deste ano (-R$ 36 milhões no 1T24) e abrir caminho para pagamento de dividendos em 2024, disse o Bradesco BBI nesta quarta-feira (10).

A avaliação é feita depois de a construtora ter apresentado uma prévia operacional avaliada como sólida pelos analistas. “Os números gerais indicam operações saudáveis, com o VSO em 47% em 12 meses apontando para uma forte demanda”, afirmou o banco, segundo relatório disponibilizado pela Ágora Investimentos.

Leia mais.

Casas Bahia (BHIA3): Safra rebaixa recomendação para neutra, mas ainda vê potencial de alta de 22% das ações
casas bahia bhia3 recuperação extrajudicial
(Imagem: Divulgação/Casas Bahia)

Com uma balança de dois pesos, o JP Morgan rebaixou a recomendação de Casas Bahia (BHIA3) de outperform (equivalente à compra) para neutro

Para o banco, apesar da melhoria na geração de caixa resultante do plano de recuperação em andamento, ainda é preciso aguardar números mais ‘encorajadores’ da margem operacional que sustentem a desalavancagem da empresa e, consequentemente, melhores retornos. 

Leia mais.

Inflação, utopia e menor consumo: Como o agronegócio vê as carnes fora da cesta básica na reforma tributária?
carnes reforma tributária
Para ex-secretário-executivo da Camex, cashback para carnes na nova reforma tributária seria injusto para grande parte dos brasileiros Imagem: Federico Arnaboldi/Pexels)

O projeto da nova reforma tributáriacom votação prevista para esta quarta-feira (10), deve decidir pela inclusão ou não das carnes na cesta básica, que deve definir à isenção de impostos para as proteínas.

De acordo com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, a inclusão das carnes na cesta básica pode elevar a alíquota geral do Imposto sobre Valor Adicionado (IVA) em 0,53 ponto percentual, com a alíquota padrão passando para 27,03%.

Leia mais.

Magazine Luiza (MGLU3): Safra eleva recomendação para compra; veja o que anima os analistas
magazine luiza
Safra atualiza recomendação e preço-alvo para o Magazine Luiza (Imagem: Divulgação)

O Safra elevou a recomendação para as ações do Magazine Luiza (MGLU3) de neutra para compra, com preço-alvo de R$ 18,50 — uma potencial valorização de 36% em relação ao fechamento anterior.

De acordo com os analistas, a revisão incorpora os resultados recentes da empresa e novas premissas macroeconômicas. Eles destacam que os resultados do primeiro trimestre de 2024 foram animadores, tendo em vista:

Leia mais.

S&P 500 e Nasdaq atingem máximas recordes, Nvidia lidera ganhos de megacaps

O Nasdaq e o S&P 500 atingiram máximas recordes nesta quarta-feira, com a força da Nvidia e de outras megacaps sustentado a sequência de ganhos em Wall Street, que será testada por dados de inflação e pelos balanços do segundo trimestre nesta semana.

A Nvidia saltava 1,3%, atingindo um pico de quase três semanas, enquanto a Micron Technology, a Advanced Micro Devices e a ON Semiconductor subiam cerca de 1%, impulsionando o índice SE Semiconductor para um recorde.

As ações listadas nos EUA da Taiwan Semiconductor Manufacturing Co tinham alta de 2,5% depois que a fabricante de chips divulgou uma receita superior ao esperado no segundo trimestre.

Das chamadas ações “Magnificent Seven”, a Alphabet e a Microsoft subiam 1% e 0,5%, respectivamente. A Apple também avançava 1%, atingindo um pico recorde, já que os rendimentos dos Treasuries caíam.

O S&P 500 e o Nasdaq atingiram seus quintos recordes intradiários consecutivos depois que as expectativa de um corte na taxa de juros em setembro receberam impulso do chair do Federal Reserve, Jerome Powell, que disse que os EUA “não são mais uma economia superaquecida”.

Embora Powell tenha evitado se comprometer com um cronograma para os cortes em seu depoimento ao Congresso na terça-feira, ele agora comparece ao Comitê de Serviços Financeiros da Câmara para mais questionamentos dos parlamentares.

O foco agora se voltará para os dados de inflação ao consumidor na quinta-feira e para o relatório de preços ao produtor na sexta.

A temporada de balanços do segundo trimestre, que começa esta semana com grades bancos divulgando relatórios na sexta-feira, será um teste importante para saber se as megacaps podem justificar as avaliações elevadas e continuar em alta.

O Dow Jones caía 0,04%, a 39.276,80 pontos. O S&P 500 tinha alta de 13,51 pontos, ou 0,24%, a 5.590,49 pontos, enquanto o Nasdaq Composite avançava 78,96 pontos, ou 0,43%, a 18.508,25 pontos.

*Com informações de Reuters

Ibovespa (IBOV) opera de lado nesta quarta-feira (10), com destaque negativo para Azul (AZUL4)

O Ibovespa (IBOV) operava em baixa de 0,03%, a 127,075 pontos, às 11h31 desta quarta-feira (10).

Entre os destaques positivos, estão:

  • Embraer (EMBR3): +3,02%
  • Locaweb (LWSA3): +2,45%
  • Eztec (EZTC3): +2,53%
  • Magazine Luiza (MGLU3): +2,22%
  • Cyrela (CYRE3): +1,90%

Já do lado das baixas, estão:

**Powell responde perguntas na Câmara
**Powell: Fed acredita que não será possível cortar juros até estar confiante de que a inflação está caminhando para a meta de 2%
**Powell: As expectativas de inflação a longo prazo parecem bem ancoradas
**Powell: Sabemos que reduzir a restrição da política monetária muito cedo ou muito tarde pode reverter o progresso que vimos na inflação
**Powell: As leituras mais recente da inflação, no entanto, têm mostrado um avanço modesto
**Powell: Os dados recebidos no primeiro trimestre deste ano não apoiaram tal confiança
**Powell: Mais dados “bons” vão sustentar nossa confiança de que a inflação está caminhando para a meta
**Powell: A inflação tem diminuído nos últimos anos, mas segue acima da meta do Fed
Money Times está entre os 20 melhores canais de Economia e Negócios do Prêmio iBest; confira
Money Times Einar Rivero prêmio iBest
Essa é a primeira vez que o Money Times disputa entre os canais de economia e negócios; site também concorre na categoria Canal de Investimentos. (Divulgação: Money Times)

Money Times é um dos 20 finalistas do Prêmio iBest 2024 na categoria Canal de Economia e Negócios.

O Top 10 serão anunciados em 20 de agosto e a definição dos nomes se dará pela análise de métricas como alcance, engajamento, foco, crescimento, ponderação de relevância entre as redes e as categorias, em todas as redes sociais, sites e apps dos competidores.

Leia mais.

**Powell: A disparidade entre empregos e trabalhadores está bem abaixo do seu pico e está um pouco acima do nível de 2019
**Powell: Como reflexo dessa evolução, os riscos para alcançar as metas de emprego e de inflação estão em atingindo melhor equilíbrio
**Powell: O crescimento dos salários nominais diminuiu no último ano
**Powell: As condições do mercado de trabalho esfriaram enquanto continuamos fortes
**Powell: A economia norte-americana teve um avanço considerável em direção à meta da inflação de 2%  
Swing Trade: BB Investimentos enxerga oportunidade de compra para fundo de índice; confira
ibovespa swing trade
Recomendação de compra para o BOVA11 tem preço limite de até 1% acima do preço de abertura (Imagem: Canva Pró)

O BB Investimentos, em relatório assinado pelos analistas Rafael Reis e William Bertan, enxerga uma oportunidade de compra para o fundo de índice iShares Ibovespa (BOVA11), visando a captura de tendência pela Estratégia Swing Trade.

Eles afirmam que esperam a captura de possível movimento de alta rastreado pelo algoritmo, com preço limite 1% acima do preço de abertura.

Leia mais.

**Powell: Indicadores recentes indicam que a economia dos EUA continua em expansão sólida
**Powell: Fed está focado em atingir a meta de inflação
**Powell inicia discurso na Câmara
**NY: S&P 500 renova recorde histórico intraday aos 5.596,46 pontos
**NY: Nasdaq renova recorde histórico intraday aos 18.540,81 pontos
**Vale (VALE3) cai mais de 1% puxada pelo minério de ferro
Magazine Luiza (MGLU3) sobe mais de 3% após elevação de recomendação do Safra

As ações da Magazine Luiza (MGLU3) figuram entre as maiores altas do Ibovespa na primeira hora da sessão, com alta de 3,40%, a R$ 13,97.

O movimento de alta é impulsionado pela elevação de recomendação de neutra para compra para as ações, com preço-alvo de R$ 18,50 — uma potencial valorização de 36% em relação ao fechamento anterior.

Quaest: Campos Neto é técnico com condução do Banco Central, mas maioria dos brasileiros concorda com críticas de Lula
Selic, Lula, Banco Central, Campos Neto
66% das pessoas ouvidas concordam com as últimas críticas de Lula sobre o Banco Central e atual patamar da Selic. (Montagem: Money Times)

Desde o início do seu mandato, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva vem criticando a política monetária adotada pelo Banco Central e a maioria dos brasileiros concorda com o chefe de Estado, segundo levantamento da Genial/Quaest publicado nesta quarta-feira (10).

Os números mostram que 66% das pessoas ouvidas concordam com as últimas críticas de Lula sobre o atual patamar da Selic, que foi pausado em 10,50% ao ano. Outros 23% afirmaram não concordar com as críticas e 11% não sabiam ou não responderam.

Leia mais.

Vamos (VAMO3) é uma das maiores altas do Ibovespa após recomendação do JP Morgan

As ações de Vamos (VAMO3) sobem 3,53%, a R$ 9,38 e figuram como a segunda maior alta do Ibovespa nos primeiros minutos de pregão.

Os papéis repercutem a revisão do JP Morgan sobre a empresa. O banco elevou a recomendação de neutra para compra, com preço-alvo de R$ 13,50 — o que representa uma potencial valorização de 49% em relação ao fechamento anterior.

 

Agora vai? Cosan (CSAN) está mais perto de fazer IPO de Moove; ação sobe
Moove
Caso o pedido progrida, a holding quebrará uma seca de mais de dois de anos sem aberturas de capitais no Brasil (Imagem: Moove/Cosan)

A Cosan (CSAN3) apresentou à SEC, a CVM norte-americana, o pedido para abrir capital (IPO) nos Estados Unidos de sua subsidiária de lubrificantes, a Moove, mostra documento enviado ao mercado nesta quarta-feira (10).

Caso o pedido progrida, a holding quebrará uma seca de mais de dois de anos sem aberturas de capitais no Brasil. Na bolsa, o papel da Cosan subia 1,42%, a R$ 14,28, por volta das 10h35.

Leia mais.

AO VIVO: Powell volta ao Congresso para falar sobre trajetória dos juros dos EUA

O presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, participa da segunda parte da sabatina no Congresso norte-americano. Hoje (10), às 11h (horário de Brasília), ele fala para os Deputados sobre a política monetária adotada pelo Banco Central.

Leia mais.

Bitcoin (BTC): Governo da Alemanha continua transferências, com temor de volatilidade no BTC por mais tempo
bitcoin btc transferencias governo alemanha
Movimentações a exchanges e agentes do mercado ocorre após o confisco de Bitcoins pelo governo alemão (Imagem: Rūdolfs Klintsons/Pexels/Canva)

A Delegacia de Polícia Criminal Federal Alemã (Bundeskriminalamt – BKA) transferiu 10.853 bitcoins para diversas exchanges e agentes do mercado, em movimentações que chegam ao valor de US$ 637 milhões, nesta quarta-feira (10). O BKA, antes da venda, possuia quase 32.488 BTC, aproximadamente US$ 2 bilhões.

Apesar de uma possível pressão no aumento da oferta do criptoativo, o Bitcoin não apresentava a queda expressiva que demonstrou nos últimos dias, operando em alta de 0,72%, a US$ 57.747, às 10h40.

Leia mais.

Bolsas de Nova York operam em alta após a abertura

No aguardo por novas declarações do presidente do Federal Reserve (Fed), as bolsas de Nova York operam em alta após a abertura. O S&P 500 e o Nasdaq registraram novas máximas na abertura pela quinta sessão consecutiva.

  • S&P 500: +0,22%
  • Dow Jones: +0,03%;
  • Nasdaq: +0,46%.

 

Tesouro Direto hoje: Títulos lucram na marcação a mercado após desaceleração do IPCA
tesouro direto hoje
O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial do Brasil, subiu 0,21% em junho.  (Imagem: Getty Images Signature)

As taxas dos títulos do Tesouro Direto operam em queda nesta quarta-feira (10), em comparação ao fechamento do dia anterior, após divulgação do IPCA.

Na primeira atualização do dia, os rendimentos dos títulos prefixados 2027, 2031 e o com juros semestrais 2035 estavam em queda a 11,33%, 12,04% e 11,77% contra os 11,47%, 11,95% e 11,70% do fechamento de ontem, respectivamente. Os papéis eram negociados a preços unitários de R$ 767,27, R$ 483,56 e R$ 908,59.

Leia mais.

**JP Morgan rebaixa recomendação de Movida, com preço-alvo de R$ 10,50
**JP Morgan rebaixa recomendação de Azul para neutra, com preço-alvo de R$ 13,50
**JP Morgan eleva recomendação de Vamos (VAMO3) para compra, com preço-alvo de R$ 13,50
Cosan (CSAN3) sobe mais de 2% na abertura com anúncio de IPO da Moove

As ações da Cosan (CSAN3) abriram com alta de 2,20%, a R$ 1,49 após a companhia anunciar, minutos atrás, que a sua subsidiária Moove Lubricants Holdings apresentou uma proposta à SEC (equivalente à CVM brasileira) dos Estados Unidos para a oferta pública inicial de ações (IPO).

Segundo o comunicado, a empresa espera que o IPO aconteça após a SEC concluir o processo de revisão. A quantidade de ações ordinárias a serem vendidas e a faixa de preço da oferta proposta ainda não foram definidas.

Ibovespa (IBOV) abre em alta aos 127 mil pontos com IPCA abaixo do esperado: 5 coisas para saber antes de investir hoje (10)
Ibovespa, 5 Coisas, Investimentos, Dólar, Day Trade, EUA, Real, China, Lula
Ibovespa abriu pregão em alta, apesar de volátil, digerindo falas de Lula em entrevista nesta manhã (Imagem: REUTERS/Amanda Perobelli)

O Ibovespa (IBOV) iniciou o pregão desta quarta-feira (10) om viés de alta, e caminha para estender a sequência ganhos consecutivas. O principal índice da bolsa brasileira avançava 0,21%, a 127.370,62 pontos, por volta de 10h07.



Leia mais.

**Ibovespa opera em alta de 0,36%, a R$ 127.570,35 pontos após a abertura
**Cosan: quantidade de ações ordinárias a serem vendidas e a faixa de preço da oferta proposta ainda não foram definidas
**Cosan: Espera-se que o IPO ocorra após a SEC concluir seu processo de revisão
**Cosan apresenta proposta de IPO da Moove nos Estados Unidos
Imposto de 27%: Isenção das carnes na reforma tributária pode aumentar alíquota, afirma Haddad
carne-churrasco-lula-cesta-basica-alimentos imposto reforma tributária carnes
A inclusão das carnes na cesta básica pode elevar a alíquota geral do Imposto sobre Valor Adicionado (IVA) em 0,53 ponto percentual. (Imagem: FreePik)

O primeiro projeto de regulamentação da reforma tributária deve ser votado hoje pela Câmara dos Deputados e o tema que vem gerando polêmica é a inclusão ou não das carnes na cesta básica, que daria direito à isenção de impostos.

Segundo o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, a inclusão das carnes na cesta básica pode elevar a alíquota geral do Imposto sobre Valor Adicionado (IVA) em 0,53 ponto percentual. Com isso, a alíquota padrão passaria de 26,5% para 27,03%.

Leia mais.

Ifix reverte saldo negativo no mês e tem 4ª alta consecutiva; FII registra o dobro de negociações
ifix - fundos imobiliários
No ano o acumulado chega a 1,14%, mostrando uma leve recuperação. (Imagem: ckstockphoto)

O Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários (IFIX) fechou pela quarta vez consecutiva em alta. Nesta terça-feira (09), o índice subiu 0,05% e fechou aos 3.349,16 pontos.

Agora, no mês de julho, o resultado é positivo em 0,05% e, no ano, o acumulado chega a 1,14%, mostrando uma leve recuperação.

Leia mais.

Day Trade: Com frigoríficos em queda, BRF (BRFS3) é uma das ações para vender hoje (10)
brf day trade venda ações quarta 10
Para o day trade desta quarta-feira, venda dos papéis da Suzano também (Imagem: REUTERS/Rodolfo Buhrer)

O BTG Pactual, o PagBank e a Ágora divulgaram suas recomendações de venda em day trade para esta quarta-feira (10).

  • Day trade com mais objetividade e gerenciamento controlado de riscos: conheça a plataforma Gradiente Linear clicando AQUI.

Na sessão de ontem (09), o Ibovespa (IBOV) fechou em alta pela sétima sessão consecutiva, subindo 0,44%, aos 127.108 pontos.

Leia mais.

Day Trade: Embraer (EMBR3), Alupar (ALUP11) e mais ações para comprar hoje (10)
day trade compra quarta 10
Para o day trade desta quarta-feira, a venda das ações da CBA também é recomendada (Imagem: REUTERS/Amanda Perobelli)

O BTG Pactual, o PagBank e a Ágora divulgaram suas recomendações de compra em day trade para esta quarta-feira (10). As ações sugeridas são de analistas gráficos, que usam uma metodologia que busca antecipar as tendências de curtíssimo prazo.

Na sessão de ontem (09), o Ibovespa (IBOV) fechou em alta pela sétima sessão consecutiva, subindo 0,44%, aos 127.108 pontos, em um pregão marcado pela influência do discurso do presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell.

Leia mais.

Dólar abre com leve queda à medida que investidores analisam dados do IPCA

O dólar tinha leve queda frente ao real nas primeiras negociações desta quarta-feira (10), tocando 5,40 reais, à medida que os investidores analisam dados sobre a inflação ao consumidor no Brasil, que vieram abaixo do esperado por analistas consultados pela Reuters.

Às 9h07, o dólar à vista caía 0,26%, a 5,4000 reais na venda. Na B3, o contrato de dólar futuro de primeiro vencimento tinha queda de 0,40%, a 5,4130 reais.

Na véspera, o dólar à vista encerrou o dia cotado a 5,4140 reais na venda, em baixa de 1,15%.

O Banco Central fará nesta sessão leilão de até 12 mil contratos de swap cambial tradicional para fins de rolagem do vencimento de 2 de setembro de 2024.

*Com informações de Reuters

Safra rebaixa recomendação de Casas Bahia para neutro

O Safra rebaixou a recomendação de Casas Bahia, com preço-alvo de R$ 7 — com potencial valorização de 21,7% em relação ao fechamento anterior.

Safra eleva recomendação de Magazine Luiza para compra

O Safra elevou a recomendação de Magazine Luiza de neutra para compra, com preço-alvo de R$ 18,50 — com potencial valorização de 36,9% em relação ao fechamento anterior.

**Dólar à vista tem mínima a R$ 5,380, com queda de 0,48%
Taxas de DIs recuam após IPCA mais fraco que o previsto

As taxas de Depósito Interfinanceiro (DIs) operam em queda em toda a curva em relação ao fechamento anterior, em reação ao IPCA mais fraco que o esperado.

A inflação desacelerou de 0,46% em maio para 0,21% em junho As estimativas eram de alta de 0,27%.

O IPCA acumulado de 12 meses ficou em 4,23%, também abaixo do esperado, mas acima da meta de inflação estipulada para este ano.

Confira o desempenho dos DIs:

CÓDIGO NOME  ABE   FEC 
DI1F25 DI Jan/25 10,56% 10,57%
DI1F26 DI Jan/26 11,16% 11,17%
DI1F27 DI Jan/27 11,44% 11,46%
DI1F28 DI Jan/28 11,67% 11,68%
DI1F29 DI Jan/29 11,82% 11,83%
DI1F30 DI Jan/30 11,89% 11,89%
DI1F31 DI Jan/31 11,91% 11,93%
DI1F32 DI Jan/32 11,94% 11,94%
DI1F33 DI Jan/33 11,92% 11,95%
Petrobras (PETR4), Vale (VALE3), Gol (GOLL4) e outros destaques desta quarta (10)

 

petrobras
Petrobras, Gol e Vale estão entre os destaques corporativos desta quarta-feira (10) (Imagem: Kaype Abreu/Money Times)

Avanço do acordo da Petrobras (PETR4) com a Yara Brasil, esclarecimento da Gol (GOLL4) sobre fusão com a Azul (AZUL4) e processo de seleção de novo presidente da Vale (VALE3) são alguns dos destaques corporativos desta quarta-feira (10).

Leia mais.

Vazamento de dados Pix: Banco Central comunica sobre ocorrência na 99Pay
pix banco central
Segundo o Banco Central, foram vazadas 39.088 dados de chaves Pix de clientes da 99Pay. (Imagem: Marcello Casal/Agência Brasil)

O Banco Central comunicou, nesta quarta-feira (10), o vazamento de dados de chaves Pix de clientes da 99Pay Instituição de Pagamento S.A. Segundo a autoridade monetária, houve falhas pontuais em sistemas dessa instituição.

Entre 26 de junho e 2 de julho, foram vazadas 39.088 chaves Pix, incluindo nome do usuário, CPF com máscara, instituição de relacionamento, agência e número da conta.

Leia mais.

**Ibovespa futuro opera em alta de 0,30%, aos 128.865 pontos, após o IPCA
IPCA desacelera e sobe 0,21% em junho, mas rompe os 4% em 12 meses
ipca inflação Junho
IBGE divulgou o IPCA de junho, que mede a inflação, nesta quarta-feira (10). (Imagem: Getty Images)

Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial do Brasil, subiu 0,21% em junho — apontando para uma desaceleração em relação à alta de 0,46% apurada em maio.

O resultado veio abaixo do consenso do mercado, que esperava um avanço de 0,32%, segundo o Relatório Focus.

Leia mais.

**Dólar à vista abre a R$ 5,4075, com queda de 0,14%
Minério de ferro cai em Dalian com demanda fraca da China, mas estímulos seguem na mira

Os preços futuros do minério de ferro caíram na bolsa de Dalian nesta quarta-feira (10), pressionados por preocupações com a demanda na China, principal mercado consumidor do minério, embora os investidores continuassem esperando mais estímulos em uma reunião importante na próxima semana.

O contrato mais negociado de setembro do minério de ferro na Bolsa de Mercadorias de Dalian (DCE) da China encerrou as negociações do dia com perda de 0,5%, a 834 iuanes (114,70 dólares) a tonelada.

O minério de ferro de referência de agosto na Bolsa de Cingapura teve alta de 1%, a 109,4 dólares a tonelada.

“O mercado está esperançoso que a terceira plenária da China revele novas medidas de estímulo”, disse a ANZ Research em uma nota.

Os economistas e investidores estão aguardando a terceira plenária, que será realizada de 15 a 18 de julho, com centenas das principais autoridades do Partido Comunista da China reunidas em Pequim para a reunião quinquenal.

Outros ingredientes siderúrgicos em Dalian tiveram comportamentos mistos, com o carvão metalúrgico subindo 0,3% e o coque caindo 0,2%.

Os índices de referência do aço na Bolsa de Futuros de Xangai apresentaram tendência de queda. O vergalhão diminuiu 0,5%, a bobina laminada a quente caiu 0,6%, o fio-máquina recuou 0,6% e o aço inoxidável perdeu 1,7%.

*Com informações de Reuters

**IGP-M: Índice vai a 0,15% na 1ª prévia de julho, após registrar alta de 0,80% em junho
Bolsas Europeias: Ações operam em alta nesta quarta-feira (10)

Confira o desempenho dos principais índices:

  • FTSE 100 (Londres): +0,57%, aos 8.186,30 pontos.
  • Índice DAX (Frankfurt): +0,72%, aos 18.354,55 pontos.
  • Índice CAC 40 (Paris): +0,76%, aos 7.565,44 pontos.
  • STOXX 600: +0,50%, aos 514,32 pontos.
Bolsas Asiáticas: Ações da China caem nesta quarta-feira (10) com dados fracos de inflação

As ações da China fecharam em queda nesta quarta-feira depois que dados mostraram que os preços ao consumidor do país aumentaram pelo quinto mês em junho, mas ficaram abaixo das expectativas, enquanto a deflação dos preços ao produtor persistiu, segundo a Reuters.

Confira o fechamento dos principais índices:

  • Índice Nikkei (Tóquio): +0,61%, aos 41.831 pontos.
  • Índice HANG SENG (Hong Kong): -0,29%, aos 17.471 pontos.
  • Índice SSEC (Xangai): -0,68%, aos 2.939 pontos.
  • Índice CSI300 (Xangai e Shenzhen): -0,32%, aos 3.428 pontos.
  • Índice KOSPI (Seul): +0,02%, aos 2.867 pontos.
  • Índice TAIEX (Taiwan): +0,45%, aos 24.007 pontos.
  • Índice STRAITS TIMES (Cingapura): +0,99%, aos 3.459 pontos.
  • Índice S&P/ASX 200 (Sydney): -0,16%, aos 7.816 pontos.
Gol (GOLL4) e Azul (AZUL4) vão se unir? Companhias esclarecem possíveis acordos; confira
azul gol
As companhias aéreas Gol e Azul prestaram esclarecimentos sobre possíveis acordos (Imagem: Facebook/Azul Linhas Aéreas Brasileiras)

A Gol (GOLL4) esclareceu, na terça-feira (09), questionamento da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) sobre notícia do Valor Econômico que informava que a Azul (AZUL4) teria sinalizado a fundos de investimento que iria apresentar uma proposta à Corte de Nova York, em até três meses, de junção dos negócios com a Gol.

No comunicado enviado ao mercado, a Gol destaca que o Grupo Abra — controlador da companhia aérea — está em discussões com a Azul para explorar potenciais oportunidades relacionadas à companhia. Contudo, pontua que um possível acordo entre as partes não seria vinculante para a empresa.

Leia mais.

Magazine Luiza realiza ‘Liquida de Milhões’ com descontos de até 60%; veja ofertas e categorias
ações
Magazine Luiza anuncia “Liquida de Milhões”, com descontos que chegam a 60% (Imagem: Divulgação/ Magazine Luiza)

O Magazine Luiza anunciou sua “Liquida de Milhões”, que oferece até 60% de desconto em produtos de diversas categorias para usuários do aplicativo da companhia. As condições especiais vão até o dia 17 de julho.

Segundo a varejista, os clientes podem aproveitar R$ 50 milhões em desconto e frete grátis em mais de 4 mil produtos das categorias de tecnologia, moda e beleza, esportes, automotivos, entre outras.

Leia mais.

Inflação de junho pode mudar rumo da Selic; o que esperar do Ibovespa (IBOV)
ipca inflação junho focus morning times ibovespa wall street
Morning Times: A expectativa é de que a inflação volte a desacelerar em junho; Wall Street aguarda pelas falas de Jerome Powell. (Imagem: Canva Pro)

Os investidores brasileiros estão atentos ao Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de junho, que será divulgado agora de manhã pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A expectativa é de que a inflação volte a desacelerar — para o BTG Pactual, o IPCA deve subir 0,33% em junho. Em maio, a inflação subiu 0,46% na variação mensal e 3,93% no acumulado em 12 meses.

Leia mais.

**Petróleo tipo Brent avança 0,20% a US$ 84,83 por barril; WTI avança 0,31% a US$ 81,66 por barril
**Wall Street: Futuros operam em alta com S&P 500 (+0,14%), Dow Jones (+0,05%) e Nasdaq (+0,024%)
**ADR da Petrobras (PBR) cai 0,33% a US$ 15,10 no pré-market nos EUA
**ADR da Vale (VALE) cai 0,87% a US$ 11,46 no pré-market nos EUA
Inflação medida pelo IPCA é divulgada nesta quarta-feira (10); confira a agenda do dia
IPCA agenda do dia lula haddad economia
No ano, IPCA acumula alta de quase 4%, a 3,93% (Imagem: Getty Images/Canva)

A divulgação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e dados sobre o Fluxo Cambial Estrangeiro são destaques na agenda econômica do Brasil nesta quarta-feira (10).

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) realiza a divulgação do Índice às 09h. Em maio, a inflação medida pelo IPCA registrou alta de 0,46%, acelerando em relação ao mês anterior, que havia registrado alta de 0,38%.

Leia mais.

No mercado há mais de 5 anos, o Money Times é referência em investimentos pessoais, educação financeira, gestão de carreiras e consumo no mercado brasileiro. No Money Times, investidores, analistas, gestores e entusiastas do ambiente econômico brasileiro usufruem de textos objetivos e de qualidade que vão ao centro da informação, análise e debate. Buscamos levantar e antecipar discussões importantes para o investidor e dar respostas às questões do momento. Isso faz toda a diferença.
Twitter Facebook Linkedin Instagram YouTube Site
No mercado há mais de 5 anos, o Money Times é referência em investimentos pessoais, educação financeira, gestão de carreiras e consumo no mercado brasileiro. No Money Times, investidores, analistas, gestores e entusiastas do ambiente econômico brasileiro usufruem de textos objetivos e de qualidade que vão ao centro da informação, análise e debate. Buscamos levantar e antecipar discussões importantes para o investidor e dar respostas às questões do momento. Isso faz toda a diferença.
Twitter Facebook Linkedin Instagram YouTube Site
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.