Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Tesla Model 3 inicia transformação no mercado de usados nos EUA

25/08/2020 - 13:26
Carro elétrico - Tesla
Unidades usadas do Model 3 levaram, na média, 29,3 dias para serem vendidas entre março e junho, de acordo com a iSeeCars.com (Imagem: Unsplash/@charliedeets)

Ainda é cedo, mas há sinais de que o Modelo 3, da Tesla, pode ser tão excepcional no mercado de carros usados quanto tem sido no universo de automóveis novos.

O sedã é de longe o mais vendido entre os veículos elétricos e fez da Tesla a empresa automotiva mais valiosa do mundo. Mas demora um pouco para ver o desempenho de um modelo no mercado de usados, já que os proprietários geralmente ficam com os veículos por pelo menos alguns anos.

Sites de compras de carros ainda têm amostras pequenas para entender como o Model 3 está se saindo no mercado de usados, mas os dados disponíveis são animadores. Os sedãs são vendidos logo após serem listados e, na avaliação da subsidiária ALG, da TrueCar, sua presença no mercado de veículos elétricos premium terá profundo impacto no segmento.

“Quem procura um Audi A4 usado tem opções comparáveis, como BMW Série 3, Mercedes-Benz Classe C e Lexus IS”, explicou George Augustaitis, diretor de análise econômica e da indústria automotiva da CarGurus. “Para quem procura o Model 3, não há substituto.”

Nissan Leaf
Modelos iniciais, como Nissan Leaf e BMW i3, se depreciaram muito mais rápido do que carros convencionais (Imagem: Reprodução/Nissan)

Modelos iniciais, como Nissan Leaf e BMW i3, se depreciaram muito mais rápido do que carros convencionais. A demanda era pequena, a autonomia era limitada e a degradação da bateria preocupava.

O baixo valor residual (ou seja, o valor dos carros após alguns anos na mão de outro dono) foi um dos muitos fatores que impediram uma maior adoção dos veículos elétricos. Mas a ALG prevê enorme melhora. A companhia de 64 anos, anteriormente conhecida como Automotive Lease Guide, estima que o segmento de carros elétricos premium sairá do menor valor em leilão após três anos de retenção para o quarto maior valor dentro de 36 meses.

Unidades usadas do Model 3 levaram, na média, 29,3 dias para serem vendidas entre março e junho, de acordo com a iSeeCars.com. O sedã da Tesla foi o carro usado vendido mais rapidamente no período, segundo acompanhamento desse site que agrega veículos listados.

A capacidade da Tesla de fornecer atualizações de software sem conexão física provavelmente contribui para a situação.

“As pessoas frequentemente falam que o carro que possuem é melhor do que o carro que compraram”, relatou Gene Munster, sócio gestor da firma de venture capital Loup Ventures.

A Tesla iniciou a produção do Model 3 no segundo semestre de 2017, mas demorou meses para aumentar o volume, e só começou a oferecer leasing em abril de 2019.

“Ainda não existem muitos Teslas no mercado de usados”, disse George Chamoun, CEO da ACV Auctions. Algumas revendedoras independentes não vendem a marca, mas ele espera que isso mude.

A ACV vendeu três vezes mais Teslas em julho do que no começo do ano. O número médio de lances para compra desses carros é 20% maior do que para o resto do estoque da empresa de leilões.

“A demanda está ultrapassando a oferta, que é limitada”, disse Augustaitis, da CarGurus, se referindo ao Model 3. “Seu alcance, tecnologia e ponto de preço ainda são únicos.”

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 25/08/2020 - 13:26