Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Tesouro Selic: tudo que você precisa saber para investir

Sofia Kercher
25/06/2021 - 17:15

Dos investimentos em renda fixa, um dos mais conhecidos é o Tesouro Selic. Ele é vendido no Tesouro Direto, um programa do Tesouro Nacional que permite a pessoas físicas e jurídicas comprar títulos públicos emitidos pelo governo como uma forma de investimento. 

Separamos um guia completo para você entender tudo sobre Tesouro Selic: o que é, como funciona e como investir nessa modalidade que é bastante indicada para iniciantes. 

O que é o Tesouro Selic?

O Tesouro Selic é um título de dívida emitido pelo governo. Isso significa que, ao investir nele, você estará emprestando dinheiro ao poder público. Ele tem o mesmo nome que a taxa, pois sua rentabilidade está atrelada à própria Selic— a taxa básica de juros da economia brasileira.

Os demais títulos do Tesouro Direto podem ter sua rentabilidade atrelada ao IPCA, ter uma rentabilidade prefixada e diferentes datas de vencimento. Tudo isso influencia— e muito— nos seus investimentos e no resultado que você terá. Portanto, é importante pesquisar antes de colocar seu dinheiro nestes investimentos (e em qualquer lugar).

A maior vantagem desse tipo de investimento é a segurança e relativa lucratividade. Nesse caso, a primeira pesa mais que a segunda: afinal, no Tesouro Selic, o risco de perda é praticamente inexistente, independente do tempo de aplicação e data de resgate.

O Tesouro Selic é recomendado para investimentos no curto prazo ou para quem sempre quer ter um resgate de emergência, já que, ao contrário dos outros títulos públicos, ele é o que possui menor risco no caso de resgate/venda antecipado. 

Ou seja: caso seja necessário vender o título e resgatar o dinheiro aplicado, o investidor perde menos em comparação aos demais títulos do Tesouro.

Ele também pode valer a pena para quem investe com objetivos mais longos em mente, já que o valor pode ser resgatado em sua data de vencimento, que normalmente é cinco anos após a aplicação. 

Assim como os demais títulos públicos do Tesouro Direto, o Tesouro Selic possui uma data de vencimento; tem um valor mínimo de aplicação, que pode variar a cada dia; e tem um preço unitário.

Vale dizer também que ele está sujeito à tributação do Imposto de Renda, taxa de custódia e IOF, no caso do resgate em menos de 30 dias.

Como funciona o investimento no Tesouro Selic?

O Tesouro Selic funciona de forma simples: você empresta dinheiro para recebê-lo de volta com juros. Como ele é emitido pela instituição mais segura do país, que é o Governo Federal, o seu rendimento sempre será próximo de 100% do CDI.

É preciso apenas do seu CPF e de conta em uma instituição financeira— seja ela um banco ou corretora de valores— para poder investir no Tesouro Selic ou qualquer outro título do Tesouro Direto.

Essas instituições atuam como “agentes de custódia”, e são os responsáveis por cadastrar os investidores do Tesouro junto à BM&FBovespa e também por intermediar a transferência dos valores investidos e dos títulos. 

Feito isso, todos os títulos comprados pelo investidor ficam em sua conta de custódia na BM&FBovespa, em seu nome, rendendo até o momento do saque.

É possível comprar e vender títulos o Tesouro Selic, ou outro título, em três canais:

através do site do Tesouro Direto; do site de sua instituição financeira; e da própria instituição, apesar de nem todas oferecerem essa possibilidade.

Quanto rende o Tesouro Selic?

Os títulos públicos do Tesouro Direto são investimentos em renda fixa e podem ter dois tipos de rentabilidade: pré-fixada e pós-fixada.

Na pré-fixada, você investe naquele título sabendo que, daqui há algum tempo, ele renderá determinada quantidade. Já no pós-fixado, esse valor é definido no momento em que você decide fazer o resgate. 

No caso do Tesouro Selic, por estar atrelado à taxa de juros que pode ou não mudar a cada 45 dias, sua taxa de juros é pós-fixada. Ou seja: essa remuneração consiste em uma remuneração anual fixa mais o valor da taxa Selic naquele período.

A variação da Selic entre o momento do investimento e do vencimento do título é a que será paga além da remuneração fixa.

Qual o valor mínimo para investir no Tesouro Selic?

O valor mínimo de investimento varia diariamente. No caso do Tesouro Selic, esse valor gira em torno dos R$100 reais; contudo, é sempre importante pesquisar para saber qual será a data do seu resgate e qual o valor mínimo a partir disso. 

 

Última atualização por Money Times - 16/09/2021 - 18:23

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.