Tokens das corretoras Huobi e OKEx caem mais de 15% após proibição cripto na China

24/09/2021 - 16:35
Traduzido e editado por Vitória Martini
Mercado gráfico queda
O token da Huobi e o da OKEx chegaram a ocupar o primeiro e o segundo lugar em porcentagem de queda nas últimas 24 horas (Imagem: Unplash/Maxim Hopman)

Os preços dos tokens das corretoras cripto Huobi e OKEx despencaram após o mais recente comunicado de proibição cripto na China.

Quatro horas após o Banco Popular da China ter divulgado seu plano de ampliar a proibição de negociação de criptoativos, o preço do token huobi (HT) e do token OKB (OKB), da OKEx, caíram mais de 15%.

Os tokens chegaram a ocupar o primeiro e o segundo lugar em porcentagem de queda nas últimas 24 horas, segundo dados da CoinGecko.

(Imagem: CoinGecko)

As medidas mais rígidas da China estão mirando todos os tipos de serviços ligados a cripto, o que significa que qualquer empresa que permitir alguém converter moeda fiduciária em criptoativos será vista como ilegal.

Tanto a Huobi quanto a OKEx tem fortes raízes na China e foram fundadas lá anos atrás. Apesar de terem afirmado que saíram do país e suspenderam a serviços de conversão de yuan para cripto, as empresas ainda têm funcionários atuando no país asiático e atendem clientes chineses, permitindo que eles convertam renminbi (RMB) em criptoativos, por meio de mercados de balcão em suas plataformas.

Já a Binance, por outro lado, também oferece serviços de balcão para o yuan chinês em sua plataforma. O preço do token BNB da corretora, no entanto, caiu menos em comparação aos demais, com uma queda de 8%.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Martini - 24/09/2021 - 16:35

Cotações Crypto
Pela Web